27 de maio de 2024
Novidades

WhatsApp disponibiliza nova ferramenta para trancar conversas; entenda e veja como funciona

A ferramenta funciona de maneira simples e intuitiva
Atualmente, o Whatsapp é o aplicativo de mensagens mais popular do mundo. (Foto: reprodução/pexel)
Atualmente, o Whatsapp é o aplicativo de mensagens mais popular do mundo. (Foto: reprodução/pexel)

O WhatsApp, aplicativo de mensagens mais popular do mundo, lançou uma nova funcionalidade que promete revolucionar a privacidade dos usuários: a capacidade de trancar conversas. Com esta atualização, os usuários poderão proteger suas conversas mais sensíveis com uma camada adicional de segurança.

A ferramenta funciona de maneira simples e intuitiva. Ao trancar uma conversa, ela se torna inacessível a qualquer pessoa que não tenha a senha definida pelo usuário. Isso significa que, mesmo que alguém tenha acesso ao dispositivo do usuário, não poderá visualizar o conteúdo da conversa trancada sem a senha correspondente. Veja o passo a passo abaixo:

  1. Abra o WhatsApp no seu celular
  2. Na lista de conversas, segure ou deslize para a esquerda a conversa que você deseja trancar
  3. Toque no ícone de mais opções e, em seguida, em Trancar conversa
  4. Toque em “Trancar a conversa” com impressão digital ou com Face ID/Touch ID
  5. Leia o aviso e toque em “Continuar”
  6. Faça a validação biométrica no celular

Essa nova funcionalidade é particularmente relevante em um momento em que a privacidade online é uma preocupação crescente. Com a proliferação de ameaças à segurança cibernética e o aumento das preocupações com a privacidade dos dados, os usuários estão cada vez mais conscientes da importância de proteger suas informações pessoais.

Apesar disso, nas redes sociais, muitas pessoas também criticaram o uso da nova ferramenta de trancr conversas. Uma publicação que viralizou no X (Twitter), de um usuário aleatório, por exemplo, dizia que, para ele, quem usasse tal funcionalidade é por que tinha algo a esconder e que isso seria ruim para relações.

De todo modo, a implementação da ferramenta é uma opção para quem não tem escolha e precisa compartilhar informações pessoais de forma mais “segura”.


Leia mais sobre: / / / Tecnologia

Carlos Nathan Sampaio

Jornalista formado pela Universidade Federal e Mato Grosso (UFMT) em 2013, especialista Estratégias de Mídias Digitais pelo Instituto de Pós-Graduação e Graduação de Goiânia - IPOG, pós-graduado em Comunicação Empresarial pelo Senac e especialista em SEO.