Marca famosa enfrenta crise com devolução de 20 mil carros elétricos

Foto: Redes Sociais ou Banco de Imagens

A Hyundai informou que vai retirar 20 mil carros elétricos da linha Kona, após vários casos de fogo. Atingiu veículos fabricados entre 2018 e 2020.

Foto: Redes Sociais ou Banco de Imagens

A causa do problema seria um defeito nas baterias de íons de lítio, fornecidas pela LG Chem.

Foto: Redes Sociais ou Banco de Imagens

A Hyundai disse que vai substituir as baterias gratuitamente e que o recall custará cerca de US$ 900 milhões.

Foto: Redes Sociais ou Banco de Imagens

O recall é um golpe para a Hyundai, que tinha planos ambiciosos para o mercado de carros elétricos.

Foto: Redes Sociais ou Banco de Imagens

A empresa queria vender 560 mil unidades por ano até 2025, sendo o Kona um dos modelos mais populares.

Foto: Redes Sociais ou Banco de Imagens

O recall também afeta a reputação da LG Chem, que é uma das maiores fabricantes de baterias do mundo. A empresa nega que o problema seja nas baterias e  que a causa ainda está sendo investigada.

Foto: Redes Sociais ou Banco de Imagens

O caso levanta questões sobre a segurança e a qualidade dos carros elétricos, que são vistos como uma alternativa mais sustentável aos carros a combustão.

Foto: Redes Sociais ou Banco de Imagens

Criação:  Aléxia Silveira

Imagens de celebridades:  Instagram Outras Imagens: Banco de imagens