17 de agosto de 2022
Vila Nova Futebol Clube • atualizado em 25/06/2022 às 14:18

Vila Nova é derrotado pelo Criciúma com pênalti polêmico e segue na lanterna da Série B

Criciúma 1x0 Vila Nova - Série B ( Celso da Luz/ Assessoria de imprensa Criciúma E.C)
Criciúma 1x0 Vila Nova - Série B ( Celso da Luz/ Assessoria de imprensa Criciúma E.C)

A crise do Vila Nova Futebol Clube no Campeonato Brasileiro da Série B vai aumentando. A equipe é a lanterna na competição e a possibilidade de reação neste sábado (25), diante do Criciúma não se concretizou. O Tigrão foi derrotado pelo placar de 1×0 em jogo válido pela 14ª Rodada no Estádio Heriberto Hulse, em Criciúma-SC.

O gol da vitória do time catarinense veio em uma penalidade marcada pelo árbitro Paulo Henrique Schleich Vollkopf (MS) marcou toque no braço de Alex Silva, do Vila Nova após cruzamento de Marcelo Hermes na área colorada. A marcação da falta gerou muita reclamação por parte dos jogadores e comissão técnica do time goiano, resultando na expulsão do técnico Dado Cavalcanti.

O árbitro foi ao VAR e confirmou o pênalti que foi convertido pelo meia Marquinhos Gabriel aos 28 minutos do primeiro. Com a vitória o Criciúma pulou para 6ª colocação no Campeonato Brasileiro com 19 pontos.

Continua após a publicidade

Já o Vila Nova com a derrota segue na última posição na tabela de classificação. Com 11 pontos em 14 jogos disputados, o clube tem um aproveitamento de apenas 26%. Na próxima terça-feira (28), volta a campo para enfrentar a Ponte Preta, no Onésio Brasileiro Alvarenga.

Ficha Técnica – Criciúma 1×0 Vila Nova

Local – Estádio Heriberto Hulse, em Criciúma-SC

Continua após a publicidade

Árbitro: Paulo Henrique Schleich Vollkopf (MS)
Assistentes: Eduardo Gonçalves da Cruz (MS) e Marcelo Grando (MS)
Árbitro de Vídeo: Márcio Henrique de Gois (SP)

Criciúma: Gustavo; Claudinho (Cristovam), Rodrigo, Kadu Ribeiro e Marcelo Hermes; Rômulo (Léo Costa), Arilson e Thiago Alagoano (Renan Bressan); Marquinhos Gabriel (Lucas Xavier), Caio Dantas (Hygor) e Fellipe Mateus. Técnico: Cláudio Tencati.

Vila Nova: Tony; Alex Silva, Rafael Donato, Alisson Cassiano e Willian Formiga; Ralf (Rafinha), Arthur Rezende e Pablo Roberto (João Lucas); Diego Tavares (Matheuzinho), Pablo Dyego e Rubens (Daniel Amorim) . Técnico: Dado Cavalcanti.