18 de abril de 2024
FRUSTRANTE • atualizado em 25/11/2023 às 19:29

Vexame: Vila Nova é derrotado pelo ABC e joga fora chance histórica de acesso para Série A

ABC x Vila Nova - Campeonato Brasileiro 2023 (Foto - Roberto Corrêa)
ABC x Vila Nova - Campeonato Brasileiro 2023 (Foto - Roberto Corrêa)

O Vila Nova Futebol Clube está praticamente sem chances de acesso na Série B do Campeonato Brasileiro. Era necessária uma sequência de boas atuações e a conquista de resultados que pareciam improváveis. Essa sequência aconteceu. Atlético, Vitória, Londrina e Ceará.

O Tigrão chegou na última rodada da competição precisando apenas vencer o ABC – pior time do Brasileirão e já rebaixado. A partida programada para o Estádio Frasqueirão, em Natal, contou com a presença de aproximadamente 4 mil colorados. Torcedores que viajaram para capital potiguar de avião, ônibus, carros e até de motos.

Só que a bola rolou o Vila Nova frustrou a todos. Um time apático e desorganizado em campo, foi envolvido pelo ABC, que certamente motivado pelo incentivo financeiro dos concorrentes do time goiano, foi melhor nos 90 minutos. Venceu pelo placar de 3 a 2.

O time da casa abriu dois gols de vantagem na etapa inicial. Rafael Donato (contra) e Thonny Anderson. No segundo tempo o Vila descontou com Rafael Donato. O ABC fez o terceiro novamente com Thonny Anderson. Rafael Donato voltou a balançar as redes e fez o segundo da equipe vermelha. E ficou assim.

Com o resultado o Vila Nova terminou apenas na 8ª posição na tabela de classificação do Campeonato Brasileiro. Somou 61 pontos nos 38 jogos que realizou. Ficou atrás de Vitória, Juventude, Criciúma e Atlético-GO que conquistaram o acesso, além de Novorizotino, Mirassol e Sport.

Confira a classificação final do Campeonato Brasileiro Série B – 2023

Ficha Técnica – ABC 3×2 Vila Nova

Local – Estádio Frasqueirão, em Natal-RN

Árbitro – Yuri Elino Ferreira (RJ)
Assistentes – Luiz Claudio Regazone (RJ) e Carlos Henrique Alves de Lima (RJ)
Árbitro de Vídeo – Rodrigo Nunes de Sá (RJ)

ABC – Michel; Alex Silva, Geovane Henrique, Jhonathan e Romário; Randerson, Nathan Melo (Gedeílson), Ramon e Matheus Anjos (Thonny Anderson); Welliton (Anderson Cordeiro) e Wallyson (Gustavo Daniel). Técnico: Jonidey Tostão.

Vila Nova – Dênis Júnior; Marcelinho (Diego Renan), Rafael Donato, Eduardo Doma e Rodrigo Gelado (João Lucas); Cristiano e Lourenço; Ronald (Éverton Brito), Neto Pessoa (Henrique Almeida), Caio Dantas e Juan Christian. Técnico: Higo Magalhães.


Leia mais sobre: / / Esportes / Vila Nova Futebol Clube