27 de junho de 2022
Política

Vanderlan defende Pellozo e diz que grupo de vereadores quer “benesses”

Pellozo recebe apoio de Vanderlan. (Foto: Divulgação)
Pellozo recebe apoio de Vanderlan. (Foto: Divulgação)

O senador Vanderlan Cardoso saiu em defesa do prefeito de Senador Canedo e seu aliado político, Fernando Pellozo. O prefeito é alvo de três processos de cassação na Câmara Municipal, incluindo uma CPI para investigar um suposto superfaturamento na compra de medicamentos.

À Rádio BandNews FM Goiânia, o senador disse que as denúncias partem de um grupo acostumado a regalias de gestões anteriores. Ele também criticou, em entrevista nesta segunda-feira (26), a administração do ex-prefeito Divino Lemes.

“A administração anterior saqueou Senador Canedo, deixou muitas dívidas aqui para o prefeito Fernando Pellozo. Estamos vendo um grupo de vereadores que quer ter as mesmas benesses, trabalhar da maneira da gestão passada. Fernando Pellozo, que tive o maior prazer de apoiá-lo, um rapaz sério, quer e está moralizando a administração. Ele não vai, em hipótese alguma, ceder a essas pressões de lotear o município de Senador Canedo. É onde a gente vê esses pedidos sem fundamento, de cassação”, afirmou.

Continua após a publicidade

Apesar das três denúncias, Vanderlan ressaltou a confiança na permanência de Pellozo no cargo. “Pelo que conheço do prefeito e dessa turma de Senador Canedo, o bem prevalecerá. Apoio o prefeito no que ele precisar. A população, com certeza, conhece bem o prefeito e a maioria desse pessoal que está tramando e fazendo tudo isso em Senador Canedo”, pontuou.

O senador comentou ainda o fato do vice-prefeito Magno Silvestre ser irmão do presidente da Câmara, Carpegiane Silvestre. Para Vanderlan, o vice não age para derrubar o prefeito. “(Magno) É uma pessoa do bem também. Não acredito que ele vai comungar com essas atitudes que estão sendo tomadas por parte da Câmara de Vereadores de Senador Canedo”, destacou.

Histórico

Continua após a publicidade

A primeira denúncia foi aceita no dia 4 de abril. São investigadas suspeitas de irregularidade em um contrato com um hospital privado do município.

Ainda em abril, no dia 20, o Legislativo recebe e aceita a segunda denúncia contra o prefeito. A peça trata de suposta irregularidade num decreto de reajuste salarial no município sem passar pela Câmara de Vereadores. Foram 12 votos pelo recebimento da denúncia e dois contrários.

Por fim, no dia 22, foi acatada a terceira denúncia. A votação foi por 14 votos favoráveis à abertura do processo de cassação. O vereador Eliel José (Podemos) foi o único dos 15 vereadores da Casa que não participou da sessão. A denúncia aceita seria por um suposto contrato de auditoria na Secretaria de Saúde do município.

Prefeitura fala em ‘interesses particulares’

Em nota enviada ao Diário de Goiás, a prefeitura de Senador Canedo afirmou que “segue os princípios da honestidade, seriedade e da eficiência”. A administração Pellozo disse que trabalha pela população e “não por interesses particulares”.

A prefeitura diz ainda que não há irregularidades e que “práticas antigas e antidemocráticas não são aceitas” na gestão.

Leia a nota na íntegra:

A prefeitura de Senador Canedo reafirma que todo o trabalho realizado por esta gestão segue os princípios da honestidade, seriedade e da eficiência, com foco no cuidado e bem-estar da população canedense. Não há e nunca houve nenhuma irregularidade nos atos e ações do Poder Executivo do Município. Práticas antigas e antidemocráticas não são aceitas nessa administração.

Acabamos de completar 100 dias de uma gestão de 4 anos. Embora tenhamos encontrado a Prefeitura em situação crítica, em todas as áreas, com trabalho transparente, responsável e austero conseguimos realizar muito. Temos ciência de que o caminho é longo e que muitas ações ainda precisam ser executadas. Estamos no início da gestão e sabemos que os problemas são enormes, mas seguimos dando as respostas que a população precisa com ações que terão resultado a curto, médio e longo prazo. E são muitas as ações que estão sendo realizadas.

Nosso mandato foi dado pelo povo canedense, que entendeu que Senador Canedo precisava retornar para os trilhos do desenvolvimento e que acreditaram que podemos mudar a política do nosso Município. Por isso temos tranquilidade em seguir com uma gestão limpa, honesta e transparente, pois temos o apoio de quem nos colocou aqui, que é a população. Seguimos firmes, trabalhando muito e cuidando dos interesses das pessoas acima de qualquer outro interesse. Vamos seguir firme, até o fim da gestão, trabalhando pela população e não por interesses particulares.