25 de maio de 2024
Cidades

TJGO: aprovados no concurso de analista judiciário serão chamados ainda em 2022

Com as novas datas, o chamamento dos 153 novos servidores deve ocorrer ainda em 2022
No dia 1º de dezembro será realizada a segunda chamada com mais 50 candidatos aprovados. (Foto: Divulgação)
No dia 1º de dezembro será realizada a segunda chamada com mais 50 candidatos aprovados. (Foto: Divulgação)

O Tribunal de Justiça do Estado de Goiás (TJGO), divulgou, nesta terça-feira (30), o novo cronograma de nomeações dos aprovados no concurso para analista judiciário. O despacho, assinado pelo chefe do Poder Judiciário, desembargador Carlos França, determinou alteração do calendário anterior, que iria até 2023. Com as novas datas, o chamamento dos 153 novos servidores deve ocorrer ainda em 2022.

De acordo com o novo calendário serão convocados, para tomar posse no cargo de analista judiciário – área de apoio judiciário e administrativo – no primeiro chamamento, em 1º de outubro, 50 candidatos aprovados; já no cargo de analista judiciário – área judiciária – serão nomeados 20 aprovados.

No dia 1º de dezembro será realizada a segunda chamada com mais 50 candidatos aprovados no cargo de analista judiciário – área de apoio judiciário e administrativo; também serão convocados 30 analistas para o cargo de analista judiciário – área judiciária.

O presidente Carlos França ressaltou que, apesar de o cronograma anterior ter previsto o chamamento de 30 aprovados no final do mês de agosto, esse novo calendário já garante a previsão de nomeação de 70 aprovados em outubro e uma segunda chamada de 83 analistas no final do ano, totalizando em 153 aprovados já nomeados neste ano. A mudança no calendário atende ao estabelecido quando da adesão do Estado de Goiás ao Regime de Recuperação Fiscal.

O diretor-geral do TJGO, Rodrigo Leandro da Silva, ressaltou também a ampliação do número de vagas, que prevê uma quantidade superior de convocados em relação ao disposto no edital, que oferecia 95 vagas para os dois cargos. “O TJGO já vai convocar em 2022 61% a mais que as vagas ofertadas no edital”, explica.


Leia mais sobre: / / / Cidades