27 de fevereiro de 2024
INVESTIGAÇÃO

Suspeito de matar a adolescente Amélia Vitória é preso em Aparecida de Goiânia

Amélia Vitória, de 14 anos, estava desaparecida desde quinta-feira (30), e foi encontrada morta no sábado (2)
PCGO informa que as investigações seguem com o objetivo de “apurar todas as circunstâncias relacionadas ao caso”. (Foto: Arquivo Pessoal)
PCGO informa que as investigações seguem com o objetivo de “apurar todas as circunstâncias relacionadas ao caso”. (Foto: Arquivo Pessoal)

A Polícia Civil de Goiás (PCGO) informou que o suspeito de matar a adolescente Amélia Vitória, de 14 anos, foi preso no domingo (3). A prisão efetuada contou com uma força-tarefa envolvendo a PCGO, a Polícia Militar de Goiás, a Guarda Civil Metropolitana de Aparecida de Goiânia e a Polícia Técnico-Científica de Goiás.

Amélia Vitória de Jesus desapareceu na quinta-feira (30), no setor Esplanada, em Aparecida de Goiânia, após sair para buscar a irmã mais nova na escola. Câmeras de segurança mostraram a menina caminhando tranquilamente, mesmo com a chuva. A última imagem registrada foi próxima à mata, mas, depois da vegetação, outras câmeras não captaram imagens da estudante. O corpo da adolescente foi encontrado no sábado (2), envolto em um lençol.

Segundo a corporação, as investigações seguem com o objetivo de “apurar todas as circunstâncias relacionadas ao caso”.

Casa do suspeito incendiada

No domingo, a casa do suspeito de matar Amélia Vitória foi invadida e incendiada por populares. Segundo a Polícia Militar, a residência estava vazia, mas ficou destruída.

Conforme informado pelo tenente Araújo, do 8º Batalhão da Polícia Militar em Aparecida de Goiânia, os populares estavam indignados com o suposto envolvimento do rapaz com a morte de Amélia Vitória e, por isso, arrombaram o portão e atearam fogo na casa.


Leia mais sobre: / / / / / / / Cidades

Maria Paula

Jornalista formada pela PUC-GO em 2022 e MBA em Marketing pela USP.