13 de junho de 2024
Política

Servidores públicos reagem contra aumento de desconto para previdência

Os servidores públicos de Goiás foram surpreendidos com o envio do projeto de lei do governo de Goiás que aumenta de 11% para 13,25% para a previdência. A medida vai atingir todos os funcionários públicos do Executivo, Legislativo, Judiciário, Tribunais de Contas e Ministério Público de Goiás.
A categoria, por suas lideranças, marcou uma manifestação para 15 horas de hoje.
Pelo projeto o governo de Goiás passará a contribuir mais. Passará de 22% para 26,5% do valor da folha de pagamento.
O projeto do governo de Goiás é aumentar em R$205,9 milhões na contribuição para diminuição do déficit da Goiás Previdência. Em 2011, segundo a secretaria da Fazenda, o déficit foi de R$717,8 milhões.
Em comunicado ao Diário de Goiás, o Sindicato dos Servidores Públicos do Estado de Goiás informa que a “proposta enviada ao legislativo, a governadoria explica os motivos do “aperto” nas finanças e aponta como justificativa os permanentes gastos com pagamento de dívida para União, demandas por aumentos salariais aprovados para os servidores e necessidade de convocação de concursados, cuja nomeação continua pendente.Diante da surpresa de Natal, o Sindipúblico manifesta-se contra esta proposta que altera Lei Complementar número 77 e propõe mobilização dos servidores. A demanda faz parte do pacote de trabalhos enviados à Assembleia Legislativa pelo governador aos 45 do segundo tempo e, como líder, cobra agilidade da casa para aprovação”.

A Assembleia Legislativa, decorada para o Natal(Foto:Sérgio Rocha), tende a dar o aumento no desconto para os servidores públicos.

O secretário da Fazenda de Goiás, Simão Cirineu, em entrevista à Rádio CBN, hj, o governo já está arcando, em valores nominais, com 79% da folha de inativos e pensionistas. E não sobra dinheiro para outras coisas. Ele afirma que o Estado paga, a mais, 717 milhões. E que deveria reduzir para 26%. A visão dele é de que os servidores deveriam financiar em 64% a aposentadoria.

 


Leia mais sobre: Política

Altair Tavares

Editor e administrador do Diário de Goiás. Repórter e comentarista de política e vários outros assuntos. Pós-graduado em Administração Estratégica de Marketing e em Cinema. Professor da área de comunicação. Para contato: [email protected] .