25 de fevereiro de 2024
Destaque 2

Semana em Goiânia foi marcada por aumento de óbitos causados pela covid-19

Reunião com os prefeitos para decisão sobre novos decretos. Foto: reprodução.
Reunião com os prefeitos para decisão sobre novos decretos. Foto: reprodução.

A última semana em Goiânia foi marcada pelo aumento de mortes causadas pela covid-19. De acordo com dados da Secretaria Municipal de Saúde do município, nos últimos sete dias, 218 pessoas morreram vítimas de coronavírus. No mesmo período de sete dias da semana anterior, o número de óbitos foi de 132, 86 mortes a menos.

Entre primeiro de março ao dia sete, foi no dia três que houve o maior número de casos fatais em um mesmo dia: 29 mortes. Na semana seguinte (entre o dia oito e 14 de março), foi o dia 11 que foi registrado o maior número de óbitos: 59.

Os casos de covid-19 vem crescendo nas últimas semana, razão pela qual os cientistas se referem este momento como a segunda onda da pandemia no Brasil. O aumento das mortes acompanha o aumento dos casos de coronavírus em todo o estado de Goiás. A taxa de ocupação de leitos de UTI e enfermaria esteve próxima de 100% nesse período. Segundo a Secretaria Estadual de Saúde de Goiás, a taxa de ocupação de leitos de UTI está às 10h46 desta segunda-feira (15) em 97,12% e a de enfermaria, 89,59%.

Neste sábado (13), o governador Ronaldo Caiado (DEM) inaugurou o oitavo Hospital de Campanha, em Uruaçu. Segundo o governo, neste momento a unidade será destinada totalmente a pacientes vítimas da covid-19. Com 186 leitos, sendo 68 de Unidades de Terapia Intensiva (UTIs) e 118 de enfermarias.


Leia mais sobre: / / Destaque 2 / Saúde