13 de junho de 2024
Cidades

Sem acordo com governo Perillo, Polícia Civil faz nova paralisação

Os policiais civis goianos iniciam nesta terça-feira (20) uma nova paralisação, desta vez, por 48 horas. Eles cobram um acordo feito com o governo de Marconi Perillo (PSDB) no ano passado, relativo ao aumento do piso da categoria, além do pagamento de bônus por produtividade e o não parcelamento da data-base.

Atualmente, os agentes e escrivães da Polícia Civil recebem R$ 3.062,00, em comparação com dos delegados civis que recebem R$ 12.936. 

Segundo o Sindicato dos Policiais Civis no Estado (Sinpol) o percentual constitucional de 30% será mantido. Caso as negociações não avancem, os policiais prometem uma nova paralisação na próxima semana.


Leia mais sobre: Cidades