21 de julho de 2024
Economia

Sefaz divulga pautas reduzidas do ICMS nos combustíveis

Impostos são maior parte da composição do preço dos combustíveis (Foto: Roberto Parizotti)
Impostos são maior parte da composição do preço dos combustíveis (Foto: Roberto Parizotti)

A Secretaria da Fazenda divulgou nesta segunda-feira a pauta do Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) para a gasolina, etanol, óleo diesel e gás de cozinha (GLP) que será usada como base de cálculo para a cobrança do imposto na primeira quinzena de junho.

A pauta do ICMS é definida a cada 15 dias, com base na média ponderada do preço dos combustíveis no estado. Na última quinta-feira (31/05), o governo de Goiás anunciou o congelamento da pauta, mantendo aquela praticada na primeira quinzena de maio.

“São valores médios inferiores aos cobrados do consumidor na segunda quinzena de maio, portando, também anteriores aos últimos reajustes realizados pela Petrobras e à greve dos caminhoneiros”, afirmou o governador José Eliton (PSDB).

A base de cálculo da gasolina, que passaria para R$ 4,505, vai ser congelada em R$ 4,311. Já a pauta do etanol, que seria de R$ 2,694, vai ficar em R$ 2,683. A taxa do ICMS cobrada na gasolina em Goiás é de 29%, no etanol, 28%.

A pauta do diesel ficou congelada em R$ 3,6055 e do gás de cozinha em R$ 5,6477. A taxa do ICMS no diesel em Goiás é de 16% e no GLP é 12%.

{nomultithumb}

Leia mais:


Leia mais sobre: Economia