14 de junho de 2024
Política

Vecci não aguenta pressão e cancela curso na França

 

 

Curso na França suspenso, mas secretário mantém defesa da legalidade e moralidade da seleção feita

 

O curso que alguns integrantes do primeiro e segundo escalão da administração estadual iriam fazer na frança, foi suspenso no final da tarde desta quinta-feira, 08. O anúncio da suspensão foi feita pelo secretário de Estado de Planejamento e Gestão, Giuseppe Vecci.

 

O motivo da suspensão, segundo explicou o secretário aos jornalistas que o entrevistaram, foi a celeuma produzida por um representante do Ministério Público, com atuação junto a Tribunal de Contas do Estado – TCE, que chegou mesmo a anunciar que iria impugnar judicialmente o evento.

O secretário afirmou que não haveria qualquer ilegalidade ou imoralidade. Vecci lamentou que os nomes das pessoas que foram selecionadas para fazer o curso tenham sido citados pelos veículos de comunicação com uma conotação maliciosa, como se estivessem em desvio de conduta, expondo-as de forma indevida e injustificável à execração.

O secretário enfatizou que a escolha dos participantes foi pelo critério de mérito, sem qualquer favorecimento de caráter pessoal, que o edital foi amplamente divulgado, assim como todas as etapas do processo seletivo

 


Leia mais sobre: Política