28 de fevereiro de 2024
Política

Ronaldo Caiado sobre atos em Brasília: “inaceitável e condenável sob todos os aspectos”

Governador de Goiás fez uma série de publicações em relação ao protesto antidemocrático
Ronaldo Caiado afirmou que é uma "tentativa da barbárie se sobrepor às instituições democráticas". (Foto: reprodução)
Ronaldo Caiado afirmou que é uma "tentativa da barbárie se sobrepor às instituições democráticas". (Foto: reprodução)

Após os atos antidemocráticos realizados por pessoas que invadiram e depredaram prédios dos Três Poderes em Brasília no início na tarde deste domingo (8), o governador Ronaldo Caiado se posicionou. Em suas redes sociais, e por meio de uma nota, o chefe do Executivo goiano criticou protestos extremos.

“O que aconteceu hoje em Brasília é a tentativa da barbárie se sobrepor às nossas instituições democráticas. Algo absolutamente inadmissível, inaceitável e condenável sob todos os aspectos”, afirmou Caiado.

“Temos que ser intransigentes na defesa da nossa democracia. A democracia não pode ser posta à prova a cada resultado eleitoral, por aqueles descontentes com o resultado das urnas. Já venci e já perdi eleições e nunca, em nenhuma hipótese, aventei a possibilidade de questionar qualquer resultado”, completou o governador.

Por fim, Ronaldo Caiado salientou que é importante repetir: “não existe a mínima justificativa para estes atos antidemocráticos. Não podem ser considerados patriotas aqueles que atentam contra o estado democrático de direito e se voltam contra sua própria Nação. A democracia é soberana e deve ser defendida e respeitada.”

Veja na íntegra:

Em relação aos protestos, o presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva (PT) já decretou intervenção federal na Segurança Pública do Distrito Federal após os episódios que o petista chamou de “bárbarie”, onde terroristas apoiadores do ex-presidente Jair Bolsonaro (PL) invadiram a Esplanada dos Ministérios e os Três Poderes, provocando vandalismo e caos na capital.

O governo de Goiás, inclusive, irá ajudar o governo federal com o envio de forças policiais para ajudar a conter os protestos golpistas. A expectativa é de que as forças cheguem à capital federal na manhã desta segunda-feira (9).


Leia mais sobre: / / Política

Carlos Nathan Sampaio

Jornalista formado pela Universidade Federal e Mato Grosso (UFMT) em 2013, especialista Estratégias de Mídias Digitais pelo Instituto de Pós-Graduação e Graduação de Goiânia - IPOG, pós-graduado em Comunicação Empresarial pelo Senac e especialista em SEO.