09 de agosto de 2022
Brasil

Roberto Jefferson chama a atenção de Cristiane Brasil por vídeo na web

Cristiane Brasil se defende de condenações trabalhistas.
Cristiane Brasil se defende de condenações trabalhistas.

Presidente nacional do PTB e pai da deputada Cristiane Brasil (PTB-RJ), Roberto Jefferson chamou a atenção da filha, no início da tarde desta terça-feira (30), por causa do vídeo em que ela aparece em um barco para se defender de condenação trabalhista.

Continua após a publicidade

Jefferson disse que “uma figura pública deve se portar como uma figura pública”.

“Sobre o vídeo, a repercussão fala por si. Também teve muita deturpação. Eram famílias no barco, havia crianças passando. Dito isso, penso que uma figura pública deve se portar como uma figura pública, e usar ferramentas como Facebook e Instagram apenas em caráter institucional”, disse Roberto Jefferson em sua conta no Twitter.

“Aliás, como tem troglodita nas redes, hein? Menos moralismo e menos machismo, por favor”, continuou.

Continua após a publicidade

Roberto Jefferson se refere ao vídeo postado no domingo (28) e que viralizou nas redes sociais na segunda-feira (29).

Cercada por homens descamisados em um barco, ela se defendeu da condenação que tem na Justiça do Trabalho.

Cristiane Brasil teve a posse como ministra do Trabalho suspensa pela presidente do STF (Supremo Tribunal Federal), Cármen Lúcia, que analisa se é a corte que deve avaliar a questão.

Ela foi condenada a pagar R$ 60 mil por dívidas trabalhistas a um de seus ex-motoristas. Ela também fez acordo com outro profissional, pagando R$ 14 mil para evitar nova condenação.

“Eu juro pra vocês, eu juro pra vocês que eu não achava que tinha nada pra dever para duas pessoas que entraram contra mim e vou provar isso em breve”, afirma Cristiane ao lado de quatro homens, que declaram “tô com você doutora”, “ação trabalhista toda hora a gente tem”, diz a parlamentar no vídeo.

“Só quero saber o seguinte: ‘quem’ pode passar na cabeça das pessoas que entram contra a gente em ações trabalhistas?”, finaliza Cristiane.

Em nota divulgada na segunda-feira, a deputada informou que “a gravação e a divulgação do vídeo foram manifestações espontâneas de um amigo, editadas fora do contexto”. Ela disse ainda reiterar “o seu respeito à Justiça do Trabalho e à prerrogativa do trabalhador reivindicar seus direitos.” (Folhapress)

Veja vídeo:

{source}
<iframe src=”https://www.facebook.com/plugins/video.php?href=https%3A%2F%2Fwww.facebook.com%2Fjornalistaslivres%2Fvideos%2F681583355298878%2F&show_text=0&width=560″ width=”560″ height=”316″ style=”border:none;overflow:hidden” scrolling=”no” frameborder=”0″ allowTransparency=”true” allowFullScreen=”true”></iframe>
{/source}

Leia mais: