27 de maio de 2022
Brasil

Reforma da Previdência segue sem data para ser votada

Foto: Pablo Valadares/Câmara dos Deputados
Foto: Pablo Valadares/Câmara dos Deputados

As incertezas sobre a votação da reforma da Previdência continuam, já que ainda não há certeza sobre quando começará a ser votada na comissão especial. O presidente da comissão, deputado Marcelo Ramos (PL-AM), disse a última quinta-feira (6), que o feriado de Corpus Christi  e a semana seguinte ao feriado, que será de festas juninas, podem jogar a votação para o próximo mês.

Continua após a publicidade

Ainda de acordo com o deputado tudo depende da amplitude do acordo em torno da proposta. Ramos disse que o relatório do deputado Samuel Moreira (PSDB-SP) vai ampliar o apoio à reforma.

Os Governadores marcaram uma reunião para a terça-feira (11), para tratar do assunto. Moreira deve apresentar o relatório um dia antes, mas prometeu continuar negociando o assunto.

Sobre a fala do governador de São Paulo, João Dória, que fez  duras críticas aos deputados que defendem a retirada de estados e municípios das regras da reforma, Ramos  considerou a declaração exagerada por ter dito que os parlamentares são mesquinhos.

Continua após a publicidade

Já o presidente da Câmara Rodrigo Maia, fez a sugestão de que as assembleias aprovassem a reforma da Previdência dos Estados.

O presidente da Comissão explicou  que existe uma maioria na Câmara nesse sentido e que ele, também defende a retirada, mas afirmou que tudo pode mudar na negociação com os governadores.