26 de maio de 2024
Investigação

Quadrilha é derrubada pelo Detran-GO pela 2ª vez cometendo fraudes em cidades do interior

O presidente do Detran-GO, Delegado Waldir, visitou as três cidades neste final de semana para acompanhar as investigações
As investigações foram realizadas pelo serviço de inteligência do Detran-GO. (Foto: Leandro Vieira/ Divulgação).
As investigações foram realizadas pelo serviço de inteligência do Detran-GO. (Foto: Leandro Vieira/ Divulgação).

Em menos de 30 dias, uma mesma quadrilha foi enquadrada duas vezes por fraude em transferências veiculares. Os suspeitos são uma servidora da Circunscrição Regional de Trânsito (Ciretran) de Paranaiguara e um vistoriador de Cachoeira Alta. As investigações foram realizadas pelo serviço de inteligência do Detran-GO, resultando na prisão de duas pessoas, que já estão liberadas. No total, 10 estão sendo investigadas e uma está foragida.

O presidente do Detran-GO, Delegado Waldir, afirma que o órgão realizou a apreensão de mais de 3 mil documentos. “Essa servidora de Paranaiguara estava há menos de 30 dias no serviço e já estava na prática criminosa. Ela foi indicada pelo prefeito depois que um outro servidor foi afastado suspeito de participar do mesmo esquema”, informou Waldir.

visitou as três cidades neste final de semana para acompanhar as investigações e destaca que há indícios de que o grupo “esquentasse” a documentação de veículos roubados em outros estados. A apuração do Detran-GO foi encaminhada para a Polícia Civil e, conforme as investigações, o grupo criminoso contava com a ajuda de servidores da Ciretran, Vapt Vupt, vistoriador e despachantes.

O presidente do Detran-GO, Delegado Waldir, afirma que o serviço de inteligência da autarquia está atento e trabalha simultaneamente em várias frentes para prevenir e combater ilegalidades. “Não toleramos nenhuma conduta ilícita seja ela de quem for”, pontua.


Leia mais sobre: / / / Cidades / Geral / Notícias do Estado

Elysia Cardoso

Jornalista formada pela Uni Araguaia em 2019