13 de abril de 2024
Flagrante

Proibido no Brasil: PRF apreende em Goiás agrotóxico contrabandeado do Paraguai

O carregamento com 300 quilos de um defensivo agrícola proibido no Brasil foi avaliado em cerca de R$ 600 mil e seria comercializado com produtores rurais
A ação da Operação Rodovida apreendeu 300 quilos do agrotóxico. Foto: PRF
A ação da Operação Rodovida apreendeu 300 quilos do agrotóxico. Foto: PRF

Uma ação da Operação Rodovida, desenvolvida pela Polícia Rodoviária Federal (PRF) e Polícia Militar de Goiás (PMGO) em força tarefa policial, apreendeu cerca de 300 quilos de um agrotóxico de uso proibido no Brasil. O defensivo agrícola era contrabandeado do Paraguai e seguia entre os municípios de Campestre e Trindade.

A apreensão aconteceu na última sexta-feira (29), quando, ao passar pela fiscalização, a polícia constatou que a caminhonete carregava centenas de pacotes de um agrotóxico que é proibido no país. A carga contrabandeada era destinada a produtores agrícolas que comercializariam o defensivo e foi avaliada em cerca de R$ 600 mil.

De acordo com a PRF, o condutor do veículo, um homem de 33 anos, informou que comprou a mercadoria em Ponta Porã, no Mato Grosso. A intenção era vender o agrotóxico em Goiás. O homem e a carga de agrotóxicos proibidos foram detidos e encaminhados para a Delegacia de Polícia Cívil em Trindade.


Leia mais sobre: / / Notícias do Estado

Luana Cardoso

Luana

Estagiária de Jornalismo do convênio entre a UFG e o Diário de Goiás.