20 de julho de 2024
Abuso sexual

Professor é preso suspeito de assediar alunas de 9 e 11 anos, em Caldazinha

As vítimas são meninas entre 9 e 11 anos de idade. Segundo a Polícia Civil o suspeito acariciava as partes íntimas além de forçá-las a sentar no colo dele
Professor suspeito de assediar alunas. (Foto: Divulgação / PC)
Professor suspeito de assediar alunas. (Foto: Divulgação / PC)

A Polícia Civil de Goiás (PCGO) prendeu, nesta terça-feira (18),um professor de educação física suspeito de assediar alunas em Caldazinha, a 37km de Goiânia. De acordo com a corporação o professor se aproveitava do cargo para cometer os atos considerados crime de estupro de vulnerável.

Ainda segundo a PC, o professor teria acariciado peitos, nádegas, pernas e coxas das estudantes, além de forçá-las a sentar no colo dele, sobre suas partes íntimas. As vítimas são meninas entre 9 e 11 anos de idade.

Além delas, uma ex-aluna do mesmo colégio que estudou entre 2014 a 2015, relatou que também foi abusada pelo professor. Segundo ela já presenciou, inclusive, outras colegas sendo abusadas pelo mesmo professor.

Testemunhas e vítimas foram ouvidas pela polícia de Senado Canedo com auxílio de uma psicóloga. Conforme a PCGO, o homem foi preso diante da clareza da prática reiterada pelo suspeito.


Leia mais sobre: / / Cidades

Leonardo Calazenço

Jornalista - repórter de cidades, política, economia e o que mais vier! Apaixonado por comunicação e por levar a notícia de forma clara, objetiva e transparente.