13 de agosto de 2022
Tráfico de drogas

Em ação conjunta da Polícia, suspeito de tráfico na modalidade delivery é preso em Aparecida

Na motocicleta em que ele estava, os policiais localizaram um fundo falso com cerca de 121 papelotes de cocaína, além de quantidade significativa de dinheiro
Indivíduo foi preso em flagrante por tráfico de drogas, no Setor Santa Luzia, em Aparecida (Foto: Divulgação Polícia Civil)
Indivíduo foi preso em flagrante por tráfico de drogas, no Setor Santa Luzia, em Aparecida (Foto: Divulgação Polícia Civil)

As Polícias Civil e Militar do Estado de Goiás, por meio do Grupo Especial de Repressão a Narcóticos (Genarc) e da Companhia de Patrulhamento Especializado (CPE) de Aparecida de Goiânia, prenderam em flagrante um indivíduo por tráfico de drogas, no setor Santa Luzia, em Aparecida, na última sexta-feira (29/7). Segundo divulgado, a Polícia Militar (PM) recebeu informações acerca de um homem que estaria utilizando aplicativos de mensagem para efetuar a venda de entorpecentes em Aparecida e região. De imediato, a informação foi compartilhada com a Polícia Civil (PC) e ambas as unidades passaram a monitorar a situação.

De acordo com a PC, após acompanhamento e certeza da materialidade do crime, as equipes efetuaram a abordagem ao indivíduo. Na motocicleta em que ele estava, os policiais localizaram um fundo falso com cerca de 121 papelotes de cocaína, além de quantidade significativa de dinheiro. Diante da situação de flagrante, o indivíduo confessou a venda do entorpecente de forma similar a uma empresa de delivery e afirmou que existia outra quantidade do produto em seu apartamento. Os policiais então se dirigiram ao local e lá encontraram outras 166 porções da mesma droga, além de mais quantias em dinheiro.

LEIA TAMBÉM: Presos fogem da Casa de Prisão Provisória de Aparecida (diariodegoias.com.br)

Continua após a publicidade

O conduzido foi então autuado em flagrante delito pelo crime de tráfico de drogas. Os policiais apreenderam um total de 287 papelotes (320 gramas) de cocaína, uma motocicleta YAMAHA/YBR 150 Factor e R$ 700, o que totalizou mais de R$ 30 mil em apreensões.