27 de fevereiro de 2024
Destaque 2

Presidente Bolsonaro critica a mídia e os manifestantes após atos em todo o Brasil

Jair Bolsonaro. Imagem: divulgação/imagem de internet.
Jair Bolsonaro. Imagem: divulgação/imagem de internet.

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) criticou as manifestações que ocorreram neste sábado (3). Segundo ele, “essa gente quer voltar pelo poder” e que as manifestações nunca foram pela saúde.

“Nenhum genocídio será apontado. Nenhuma escalada autoritária ou “ato antidemocrático” será citado. Nenhuma ameaça à democracia será alertada. Nenhuma busca e apreensão será feita. Nenhum sigilo será quebrado. Lembrem-se: nunca foi por saúde ou democracia, sempre foi pelo poder!”, publicou o presidente.

Ainda em suas redes sociais, o político publicou um vídeo em que algumas pessoas entram em confronto com policiais militares de São Paulo. Na ocasião, os manifestantes vão para cima dos militares jogando pedra e pau.

Bolsonaro criticou também a mídia que, segundo ele, achou tudo normal sobre esses confrontos por parte dos manifestantes contra os agentes da segurança pública.

“Esse tipo de gente quer voltar ao Poder por um sistema eleitoral não auditável, ou seja, na fraude. Para a grande mídia, tudo normal”, disse o chefe do Executivo.

Manifestantes foram às ruas neste sábado protestar contra o presidente e reivindicar vacina anticovid e também prorrogação do Auxílio Emergencial. Nos eventos, militantes de partidos adversários — como PT e PSDB — se juntaram no ato contra o governo federal.


Leia mais sobre: / Destaque 2 / Política