27 de junho de 2022
Planos e Acordos

Prefeitura quer tornar centro da cidade atrativo para setor empresarial

Discussões trataram sobre a revitalização e ocupação do Centro de Goiânia de forma a atrair empresários e investidores
Participaram da reunião o Prefeito de Goiânia, membros da gestão municipal e representantes do Fórum Empresarical do Centro Cultural Casa de Vidro Antônio Poteiro. Foto: Jucimar Sousa
Participaram da reunião o Prefeito de Goiânia, membros da gestão municipal e representantes do Fórum Empresarical do Centro Cultural Casa de Vidro Antônio Poteiro. Foto: Jucimar Sousa

Aconteceu nesta quinta-feira (23/06) uma reunião para discussão de temas e projetos sobre a revitalização e ocupação do Centro de Goiânia, com ênfase para as pautas de mobilidade urbana, meio ambiente e revisão do Código Tributário Municipal (CTM). Estiveram presentes no evento o Prefeito de Goiânia, Rogério Cruz, e representantes do Fórum Empresarial do Centro Cultural Casa de Vidro Antônio Poteiro.

O objetivo do encontro é a elaboração conjunta de projetos para melhorar a mobilidade na capital e, assim, tornar a região central mais atrativa para o setor empresarial.

A discussão sobre a revitalização e ocupação de Goiânia está sendo difundida desde a aprovação do Plano Diretor e Código Tributário, para trazer mais negócios e investimentos para o Centro da capital, principalmente no período noturno.

Continua após a publicidade

“Queremos que o Centro seja atrativo, dia e noite, com comércios abertos, pessoas circulando, e vida cultural pujante. Esse é o coração de uma cidade. Por isso, a revitalização da região é prioridade da nossa gestão”, ressaltou o prefeito.

Marcelo Baiocchi, presidente da Federação do Comércio do Estado de Goiás (Fecomércio-GO), defendeu as novas modificações no Código Tributário e a preocupação de tornar Goiânia mais bem vista para investimentos. “A revisão do Código Tributário é algo que foi pactuado quando da aprovação”, disse o presidente.

Reuniões com setor empresarial serão mais frequentes, a fim de ampliar discussões sobre temas diversos da capital, além dos já discutidos na manhã de hoje (26).

Continua após a publicidade