14 de agosto de 2022
Cata-Treco

Prefeitura de Goiânia deve recolher 1,3 mil móveis e eletrodomésticos descartados neste domingo (17)

A operação acontece no âmbito do programa Cata-Treco, no qual funcionários da Comurg se disponibilizam a buscar em domicilio os móveis que serão jogados fora
(Foto: Luciano Magalhães / Comurg)
(Foto: Luciano Magalhães / Comurg)

A Prefeitura de Goiânia deve recolher 1,3 mil móveis e eletrodomésticos descartados pela população, neste domingo (17), em ação que envolve 30 servidores e 16 caminhões. O esforço concentrado da Companhia de Urbanização (Comurg) acontece no domingo porque é o dia em que a maioria dos moradores estão em casa.

A operação acontece no âmbito do programa Cata-Treco, no qual funcionários da Comurg se disponibilizam a buscar em domicilio os móveis que os habitantes da capital desejam jogar fora (como mesas, armários e geladeiras) para evitar o descarte incorreto, em lotes vazios e outros logradouros públicos. O serviço é realizado mediante agendamento. Para este domingo, há 320 visitas agendadas.

No ato do recolhimento, requer-se que os móveis já estejam desmontados. A solicitação de serviço é feita pelo telefone (62) 3524-8555, por meio do WhatsApp (62) 98596-8555, ou ainda usar o aplicativo Prefeitura 24h.

Continua após a publicidade

Após a solicitação, funcionário da Comurg entra em contato para fazer o agendamento, e a coleta é realizada em até 20 dias. Nos últimos 17 meses, a Comurg recolheu 77 mil itens, sendo que 59 mil foram móveis com maior incidência de portas de guarda-roupas, colchões, gavetas, camas, cadeiras e sofás. Os eletrodomésticos também apresentam volume expressivo, alcançando quase cinco mil itens.

Presidente da Companhia, Alisson Borges afirma que todo o material recolhido é encaminhado para cooperativas cadastradas pela prefeitura, o que beneficia famílias que sobrevivem da reciclagem.