27 de maio de 2024
Regularização • atualizado em 19/04/2024 às 18:05

Prefeitura abre seleção para 21 vagas rotativas de táxis em Goiânia; veja critérios

As licenças para vagas no Terminal Rodoviário e no Terminal Campinas terão validade de seis meses
A seleção para as vagas de táxi acontecerão entre 22 de abril e 03 de maio. Foto: SMM
A seleção para as vagas de táxi acontecerão entre 22 de abril e 03 de maio. Foto: SMM

A Secretaria de Mobilidade (SMM) de Goiânia abriu processo seletivo para ocupação de vagas rotativas de estacionamento para táxis na capital. Ao todo, serão 21 vagas que valerão pelo período de seis meses, sendo 16 no Terminal Rodoviário de Goiânia, e mais cinco no Terminal Campinas, conforme o edital.

Estão aptos a concorrer motoristas profissionais autônomos, pessoas físicas, proprietários de veículos licenciados como permissionário do serviço de táxi do município e em situação regular com a Mobilidade.

Quem desejar participar da seleção deve seguir todos os critérios estabelecidos em edital e entregar a documentação necessária na Gerência de Gestão e Controle de Transportes Municipais da Mobilidade, localizada na BR-153, n° 703, Setor Alto da Glória, das 8h às 16h, de segunda à sexta.

Os documentos poderão ser entregues de 22 de abril a 3 de maio de 2024. A confirmação dos candidatos aptos ao sorteio será no dia 7 de maio. O sorteio em si será realizado no dia 20 de maio.

Requisitos

O secretário de Mobilidade, Marcelo Torrubia, explicou as principais exigências do edital. “Não será permitida, por exemplo, a participação de permissionário que tenha executado o serviço de táxi no estacionamento privativo do Terminal Rodoviário de Goiânia ou de Campinas e tenha solicitado exclusão ou transferência. Os interessados poderão participar de apenas um processo seletivo, ou seja, Terminal Rodoviário Central ou de Campinas”, destacou.

Marcelo destacou, ainda, que o processo seletivo regulamenta a rotatividade das vagas em pontos mais disputados. “É uma forma de organizar. A cada seis meses permissionários serão contemplados, com isso, não ocorrerão injustiças. A cada seis meses um taxista utiliza e depois abre oportunidade para outro colega”, pontuou o secretário.

A Secretaria de Mobilidade reitera que, após o recebimento e aberturas dos envelopes, os documentos dos permissionários serão analisados pela Gerência de Gestão e Controle de Transportes Municipais para verificar a regularidade e, posteriormente, a emissão da lista dos aptos ao sorteio. O prazo de recurso para aqueles que foram indeferidos é de 8 a 13 de maio.


Leia mais sobre: / / / / Cidades

Luana Cardoso

Luana

Estagiária de Jornalismo do convênio entre a UFG e o Diário de Goiás.