21 de maio de 2022
Cidades • atualizado em 12/02/2020 às 23:39

Os 12 Prefeitos continuam presos

Os advogados de 8 prefeitos com prisão temporária na Operação Tarja Preta tentaram tirar os clientes da reclusão, hoje, 16.

Uns entraram com Habeas Corpus e outros com pedidos de relaxamento da prisão.

Continua após a publicidade

A análise dos pedidos está nas mãos do Desembargador Edison Miguel. Foi ele que emitiu as ordens judiciais de prisões temporárias. No entanto, até o começo da noite, não foi informado se o magistrado deve decidir com agilidade ou não. 

O fato de que os prefeitos seriam ouvidos no decorrer do dia de hoje teria motivado a negativa aos pedidos feitos.

O Desembargador tem que encaminhar o processo para ouvir os Procuradores de Justiça que atuam no caso para que haja uma manifestação da parte coatora, favorável ou não, no caso de Habeas Corpus. Neste caso, é muito provável que se manifestem pela manutenção da prisão temporária.

Continua após a publicidade

A prisão temporária dos 12 prefeitos é válida por 5 dias úteis.

Segundo o Ministério Público, a prisão dos prefeitos teve o objetivo de instruir a investigação da Operação Tarja Preta e conduzir para o fechamento do processo.

Na foto, o registro do momento que os prefeitos presos na Operação Tarja Preta eram encaminhados à casa de custódia.

 


 

 LEIA MAIS;