21 de maio de 2024
ELEIÇÕES 2024 • atualizado em 02/04/2024 às 19:14

Pré-candidatura da base em Aparecida não será definida agora, afirma Daniel Vilela

Definição anunciada por Gustavo Mendanha para sair na quarta-feira (3) não se confirma; vice-governador diz que escolha foi adiada em Aparecida
Vice-governador afirmou que definição em Aparecida vai ficar para depois - Foto: reprodução
Vice-governador afirmou que definição em Aparecida vai ficar para depois - Foto: reprodução

O vice-governador e presidente estadual do MDB, Daniel Vilela, transferiu para depois, sem definir exatamente quando, a definição do nome cuja pré-candidatura vai representar a base do Governo Estadual na disputa pela Prefeitura de Aparecida de Goiânia. Ele comunicou a decisão durante esta terça-feira (2).

Também na terça ele esteve na Assembleia Legislativa (Alego) na visita que contou com o governador Ronaldo Caiado e que consolidou Sandro Mabel para pré-candidato em Goiânia pela base.

“Teremos reunião hoje (2) levando mais à frente a decisão sobre quem será o candidato [em Aparecida], levando em consideração vários aspectos que serão pesquisados. O grupo estará unido para a escolha de um candidato mais à frente”, reforçou Vilela.

A informação de que a definição sobre a pré-candidatura da base sairia nesta quarta (3) veio do ex-prefeito de Aparecida, Gustavo Mendanha.

Em entrevista publicada pelo Diário de Goiás no domingo (31), Mendanha relatou que o governador está se apoiando em pesquisas para fazer a escolha e garantir um nome forte. E destacou que outros nomes, para além do atual prefeito, Vilmar Mariano, ainda estão sendo considerados. Mariano se filiou no MDB no ano passado de olho no apoio da base à reeleição.

Confira a entrevista!!!

“O prefeito Vilmar Mariano naturalmente tem todas as condições de ser o candidato, de buscar a reeleição, de se viabilizar para ser o candidato. Mas liderados ontem (1º) pelo governador, [a intenção] é que a gente postergue essa decisão, dando mais tempo para o próprio Vilmar buscar uma viabilidade melhor de candidatura para então a gente definir quem será o candidato”, justificou Daniel Vilela nesta terça.

O ex-deputado federal Leandro Vilela, que é primo de Daniel, segundo ele, também continua cotado. “Ele é uma opção, está filiado no MDB de Aparecida, com domicílio eleitoral em Aparecida e pode inclusive compor a chapa com o próprio Vilmar”, avalia o vice-governador.

Sobre outro quadro importante do partido, Ana Paula Rezende, filha do ex-prefeito e ex-governador  Iris Rezende Machado, ele continua avaliando como um bom nome. “Ela pode ser a vice-prefeita. Minha opinião é de que todos percebam Ana Paula como a melhor vice. Que qualquer candidato pode ter em Goiânia”, sublinhou.


Leia mais sobre: / / / / / Aparecida de Goiânia / Eleições 2024 / Política

Marília Assunção

Jornalista formada pela Universidade Federal de Goiás. Também formada em História pela Universidade Católica de Goiás e pós-graduada em Regulação Econômica de Mercados pela Universidade de Brasília. Repórter de diferentes áreas para os jornais O Popular e Estadão (correspondente). Prêmios de jornalismo: duas edições do Crea/GO, Embratel e Esso em categoria nacional.