28 de fevereiro de 2024
BENEFÍCIO

Pra Ter Onde Morar: programa entrega 717 casas a custo zero em 2023

Para concorrer às casas do programa, é necessário ter renda comprovada de até um salário mínimo e morar há pelo menos três anos na cidade
De acordo com o presidente da Agehab, Alexandre Baldy, o custo das moradias é, em média, R$ 127 mil. (Foto: Júnior Guimarães)
De acordo com o presidente da Agehab, Alexandre Baldy, o custo das moradias é, em média, R$ 127 mil. (Foto: Júnior Guimarães)

A Agência Goiana de Habitação (Agehab) e a Secretaria de Estado da Infraestrutura (Seinfra) entregaram 717 casas a custo zero do programa ‘Pra Ter Onde Morar – Construção”, até novembro de 2023. O investimento em recursos do Fundo Protege é superior a R$ 91 milhões e, segundo o governador de Goiás, Ronaldo Caiado, as casas têm acabamento bem-feito e demonstra a boa aplicação do dinheiro público.

Em Goiás, 19 municípios foram beneficiados com a entrega das casas, sendo eles o Nova Aurora, Anhanguera, Itaguaru, Bom Jesus de Goiás, Padre Bernardo, Córrego do Ouro, Cristianópolis, Campestre, Firminópolis, Damolândia, Santo Antônio do Descoberto, São João da Paraúna, Rio Verde, Mairipotaba, Hidrolândia, Moiporá, Iporá, Santo Antônio de Goiás e Abadia de Goiás.

De acordo com o presidente da Agehab, Alexandre Baldy, o custo das casas é, em média, R$ 127 mil e ele prevê maiores avanços para o ano de 2024. “Este é o maior programa do Brasil que beneficia pequenos municípios com moradias, um exemplo a ser copiado por outros entes da Federação. O total de moradias em construção ou entregue é de 6 mil em 130 municípios. As construções foram iniciadas no ano de 2023 e a maior parte está em fase avançada, com previsão de entrega em 2024”, diz.

Para concorrer às casas do programa, as famílias precisam ter renda comprovada de até um salário mínimo e morar há pelo menos três anos na cidade.


Leia mais sobre: / / / / / / / Cidades

Maria Paula

Jornalista formada pela PUC-GO em 2022 e MBA em Marketing pela USP.