25 de julho de 2024
Articulações

PP ainda não decidiu apoio entre Mabel ou Cruz para prefeito de Goiânia, diz Baldy

Em entrevista à Rádio Bandeirantes o presidente da Agehab afirmou que o partido ainda não tem candidato na capital
Alexandre Baldy declarou que o PP ainda não tem candidato na capital. Foto: Altair Tavares/DG
Alexandre Baldy declarou que o PP ainda não tem candidato na capital. Foto: Altair Tavares/DG

O Partido Progressista (PP) ainda não tem uma posição sobre seu apoio nas eleições municipais na capital. De acordo com o presidente da Agência Goiana de Habitação (Agehab), Alexandre Baldy (PP), o partido não decidiu se vai apoiar o candidato da base de governo, Sandro Mabel (UB), ou o atual prefeito de Goiânia, que tentará reeleição, Rogério Cruz (Solidariedade).

Em entrevista ao programa Bandeirantes Acontece, da Rádio Bandeirantes, na tarde desta quarta-feira (10), Baldy declarou que o PP “não tem candidato na capital”. Atualmente, ainda dividido, já que atua tanto no governo Caiado, quanto no governo municipal com Cruz, Alexandre Baldy detalhou que aguarda as convenções para então definir o posicionamento.

“Hoje, a gente tem essa parceria com a prefeitura, com o prefeito Rogério, até dia cinco de agosto tem esse diálogo pela frente. […] tentaremos entender de fato nas convenções, quem serão os candidatos, quais serão as posições dos candidatos, para que a gente possa ter, então, a concretização do Partido”, elucidou Baldy.

O presidente da Agehab pontuou que, do outro lado, Caiado se articula para apoio dos partidos da base, apesar do PP ainda não ter tido nenhum diálogo com os pré-candidatos. “Sabemos que tem essa união nossa na base que é o União Brasil, MDB e o PP, que são partidos que estão firmes em conjunto com o governador Caiado, com o vice-governador Daniel Vilela”, afirmou.

Baldy ressaltou que, ao firmar apoio, o partido se respaldará em nomes que considera comprometidos com a sociedade goiana. “É difícil concorrer com o governador e com o vice- governador, mas nós vamos trabalhar firme para, pelo menos, ficar em terceiro colocado ao fim das eleições, com o nomes que são comprometidos com a sociedade, com nomes que tem projetos para as pessoas”, finalizou.


Leia mais sobre: / / / Eleições 2024 / Política

Luana Cardoso

Luana

Atualmente atua como repórter de cidades, política e cultura. Editora da coluna Crônicas do Diário. Jornalista formada pela FIC/UFG, Bióloga graduada pelo ICB/UFG, escritora, cronista e curiosa. Estagiou no Diário de Goiás de 2022 a 2024.