27 de fevereiro de 2024
Comodidade

População de São Luís de Montes Belos já pode retirar medicamentos de alto custo na Policlínica

Os moradores de São Luíz e de outras 12 cidades da região Oeste do Estado não precisarão ir até a Central, em Goiânia, tendo maior comodidade
No primeiro dia de distribuição de medicamentos, 75 pacientes foram atendidos. Foto: Hélmiton Prateado
No primeiro dia de distribuição de medicamentos, 75 pacientes foram atendidos. Foto: Hélmiton Prateado

A Policlínica Estadual da Região Sudeste, unidade do Governo de Goiás em São Luís de Montes Belos já começou a distribuição de medicamentos de alto custo, sob coordenação do Centro Estadual de Medicação de Alto Custo (Cemac) Juarez Barbosa, nesta semana. Agora, a população do município e das cidades próximas, da região Oeste do Estado, podem ter maior comodidade, sem precisar ir até Goiânia para ter acesso aos medicamentos.

Os servidores da unidade e colaboradores da farmácia tiveram capacitação para realizar o novo serviço, seguindo o padrão de excelência. De acordo com a diretora-geral da Policlínica, Ana Caribé, já nos primeiros dias de atendimento, a resposta da população foi positiva. “Somente no primeiro dia de atendimento, tivemos um total de 75 pacientes recepcionados e que tiveram seus medicamentos dispensados, o que é uma demonstração da resposta positiva que esse programa tem para a população”, comentou.

Segundo a direção da Policlínica, somente no mês de abril a unidade atendeu 2,5 mil pacientes. Além dos moradores de São Luís, a unidade de saúde contempla também pacientes de outros 12 municípios: Adelândia, Aurilândia, Buriti de Goiás, Cachoeira de Goiás, Córrego do Ouro, Firminópolis, Palmeiras de Goiás, Palminópolis, Paraúna, Sanclerlândia, São João da Paraúna e Turvânia foram. Outros municípios deverão ser integrados ao programa em breve.

Medicamentos de controle especial, como imunobiológicos, anti glicêmicos, anti-hipertensivos, colírios, medicamentos para tratamento de doenças do trato respiratório e distúrbios hormonais fazem parte da relação de produtos de alto custo distribuídos pela Cemac Juarez Barbosa. Pacientes com prescrição de medicamentos contemplados pelo Componente Especializado da Assistência Farmacêutica (Cefa) poderão ser incluídos no programa, cumprindo o protocolo correto.


Leia mais sobre: / Notícias do Estado

Luana Cardoso

Luana

Estagiária de Jornalismo do convênio entre a UFG e o Diário de Goiás.