logomarcadiariodegoias2017

Aldo Rebelo. (Foto: EBC)
aldo rebelo 2222

ANGELA BOLDRINI
BRASÍLIA, DF (FOLHAPRESS) - O ex-ministro Aldo Rebelo se filiou ao Solidariedade, e pode ser o candidato do partido para o Planalto nas eleições 2018. 
Rebelo, que foi ministro nos governos de Lula e Dilma Rousseff, se filiou no dia 5 de abril, mas só anunciou sua saída do PSB nesta quinta-feira (12), pelo Twitter. 

"Impossibilitado de acompanhar a manifesta inclinação da direção partidária pela candidatura do ilustre ministro Joaquim Barbosa, comunico meu afastamento do PSB", escreveu ele na rede social.

Ele já vinha manifestando oposição à entrada de Barbosa na sigla. 

Paulinho da Força (SD-SP), presidente da sigla, diz que tem conversado com o ex-ministro sobre a possível candidatura e que os dois baterão o martelo na reunião na segunda-feira (16), em São Paulo. 

No mesmo dia, está sendo convocado ato na sede do partido na capital paulista para as 15h para anunciar a entrada de Rebelo.

A ideia é que Rebelo percorra o país para testar sua viabilidade. Inicialmente, aventava-se a possibilidade de ele ser vice numa eventual chapa encabeçada pelo presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), que já lançou sua pré-candidatura ao Planalto. Esta composição não está descartada.

Sugestões e críticas, mande um Zap para a Redação

whatsapp 512

62 9 9820-8895

+ SAIBA MAIS, PESQUISE NO DG

SEARCH