logomarcadiariodegoias2017

jose eliton coleitva governador foto dg.jpg

O novo governador de Goiás, José Eliton (PSDB), fará a primeira reunião com os secretários, empossados na manhã deste domingo (8), com objetivo de estabelecer as prioridades e as ações de governo. Segundo o governador, a execução das ações planejadas fará com que a população perceba rapidamente as mudanças.

“Estabelecer uma agenda que envolva todas as secretarias, os órgãos e autarquias de governo, de modo que possamos, dentro do orçamento do Estado, estabelecer prioridades, garantir a execução do plano de governo e estabelecer aquelas prioridades que estão sendo administradas e coordenadas pelo gabinete de ações estratégicas do Estado de Goiás. Como modo de fazer com que a população perceba as prioridades efetivas nessas ações, que virão em áreas estratégicas como saúde, educação, segurança pública e mobilidade urbana. Essas ações serão o foco e uma agenda que a população irá perceber rapidamente as ações que estamos desenvolvendo”, afirmou.

Durante entrevista coletiva, José Eliton reforçou que unirá planejamento e criatividade para a gestão até o final de 2018. “Planejamento é a palavra-chave. Casar, naturalmente, com criatividade, com capacidade de inovação e de renovação, em ações e políticas públicas. É dentro dessa perspectiva que vamos atuar”.

Eleições

Questionado sobre sua pré-candidatura ao governo de Goiás nas eleições de 2018, José Eliton não prolongou o assunto e afirmou que as decisões serão tomadas pelos presidentes dos partidos políticos e que, neste momento, seu foco serão a gestão do Estado.

“O foco agora é 100% a gestão pública. As questões partidárias e políticas cabem à presidência dos diversos partidos que compõem nossa base em fazer a agenda envolvendo essa demanda. [...] Todo processo de governabilidade envolve participação partidária. Na medida que os partidos têm a capacidade de indicar componentes para estarem presentes dentro de um projeto de governança, projeto que estabelece a modernidade do Estado de Goiás, esses partidos estão aptos também a conduzir conosco um projeto eleitoral. Mas penso que essa agenda será comandada pelos presidentes dos partidos e, a partir de agora, pelo governador Marconi também”, concluiu. 

Leia mais:

Sugestões e críticas, mande um Zap para a Redação

whatsapp 512

62 9 9820-8895

+ SAIBA MAIS, PESQUISE NO DG

SEARCH