19 de junho de 2024
Novidade

Petrobras inaugura mais uma base de entrega de combustíveis em Goiás

O novo polo de venda está alocado em Rio Verde, sendo a segunda base instalada no Centro-Oeste em menos de um ano
Foto: Reprodução
Foto: Reprodução

A Petrobras inaugurou mais uma base de entrega de diesel e gasolina em Goiás. O novo polo de venda de combustíveis está alocado em Rio Verde e é a segunda na região Centro-Oeste inaugurada em menos de um ano.

Agora, o combustível que chega até Rio Verde é transportado pelas distribuidoras por caminhões, a partir de Paulínia (SP) ou de municípios mais distantes. O novo polo de vendas tem potencial de crescimento e a Petrobras estuda alternativas logísticas que possibilitem maior competitividade ao seu produto.

A nova base faz parte dos planos da operação em Rondonópolis (MT), iniciada em fevereiro de 2023. Este novo polo utiliza a combinação do modal dutoviário (OSBRA), a partir da Refinaria de Paulínia – Replan (SP) até o município de Senador Canedo (GO), com modal rodoviário até Rio Verde.

Antes de Rondonópolis e Rio Verde, a Petrobras já possuía duas bases de entrega de combustíveis no Centro-Oeste: os terminais de Brasília (DF) e Senador Canedo (GO). Para essas localidades, os produtos também têm origem na Refinaria de Paulínia (Replan), mas são transportados pelo oleoduto OSBRA.

O diretor de Logística, Comercialização e Mercados da Petrobras, Claudio Schlosser, afirma que a iniciativa visa atender a crescente demanda por combustíveis na região. “A região Centro-Oeste é a que mais cresce no país, muito em função do agronegócio. Por conta disso, a demanda por combustíveis tem aumentado muito, o que nos fez decidir por abrir este polo, mantendo nosso posicionamento como principal supridor”, explica.


Leia mais sobre: / / Notícias do Estado

Luana Cardoso

Luana

Atualmente atua como repórter de cidades, política e cultura. Editora da coluna Crônicas do Diário. Jornalista formada pela FIC/UFG, Bióloga graduada pelo ICB/UFG, escritora, cronista e curiosa. Estagiou no Diário de Goiás de 2022 a 2024.