28 de fevereiro de 2024
Cidades

PC de Goiás prende casal suspeito em aplicar golpes milionários no interior paulista

A Polícia Civil do Estado de Goiás irá apresentar nesta terça-feira (17/09) um casal preso em Goiânia, suspeito de aplicar golpes milionários no interior paulista. Ambos foram presos, por força de mandado expedido pela Justiça de SP, na tarde desta segunda-feira (16), em uma apartamento no Setor Cândida de Morais, em Goiânia. O prejuízo causado às vítimas ultrapassa os R$ 40 milhões. Com informações do G1.

Mais de quarenta vítimas chegaram a prestar queixa na delegacia da Policia Civil de Jacareí, até julho. O esquema funcionava da seguinte forma: uma empresária apresentava uma proposta de um grupo de investimentos que prometia alta lucratividade no ramo têxtil.

O estelionatário realizava uma espécie de “parceria” entre a suposta fábrica de vestuários de São Paulo e a vítima. Para fazerem parte deste grupo, as vítimas repassavam valores a suposta empresária e em troca receberiam parte da porcentagem dos lucros da empresa que supostamente fabricava roupas. O acordo comercial era realizado por meio de contrato.

No entanto, ainda em julho a empresária informou ao grupo de investidores que sua empresa havia “quebrado” mas que estudava uma forma de repassar os devidos valores às vitimas. O contato nunca houve e o prejuízo milionário foi implantado.

Segundo as investigações da Polícia Civil paulista, nenhuma das vítimas chegou a estar na fábrica onde as roupas eram fabricadas. A corporação ainda informou que há 41 queixas, mas o número das vítimas pode ser superior a 110.


Leia mais sobre: / Cidades

Domingos Ketelbey

Jornalista e editor do Diário de Goiás. Escreve sobre tudo e também sobre mobilidade urbana, cultura e política. Apaixonado por jornalismo literário, cafés e conversas de botequim.