17 de junho de 2024
Cidades

Paulo Garcia lança campanha ” Eu amo Goiânia, eu cuido do lixo”

O prefeito de Goiânia, Paulo Garcia, lançou hoje (1°) pela manhã, no Conjunto Caiçara, a campanha de conscientização “Eu amo Goiânia, eu cuido do lixo”, idealizada pela Companhia de Urbanização de Goiânia (Comurg). A Prefeitura lançou ainda o novo planejamento do Programa de Coleta Seletiva. A proposta é conscientizar a população sobre os cuidados que se deve ter ao descartar os resíduos produzidos em casa ou nas empresas, sobre o destino final destes materiais e orientar a população para que não jogue lixo, entulho ou móveis de forma irregular nas ruas, calçadas e lotes baldios. A campanha de conscientização já está sendo veiculada na mídia (rádio, jornal e televisão).

 

De acordo com o presidente da Comurg, Paulo de Tarso, a população deve ser orientada sobre a manutenção da limpeza urbana. “Nós fazemos a nossa parte. A população também faz, mas ultimamente houve certo descuido. Precisamos estreitar essa comunicação e mostrar que a melhor forma de resolvermos o problema, principalmente do lixo e do entulho, é conscientizar a população”, disse.

Durante o lançamento da campanha, a Comurg apresentou as adequações da rota dos caminhões e a nova logomarca da Coleta Seletiva e do Cata-treco. Outra novidade anunciada é a adesão dos órgãos púbicos municipais ao projeto. Todos os secretários assinaram um termo de parceria para que a separação de materiais recicláveis seja realizada nos órgãos e a Comurg ficará responsável pela coleta posteriormente.

Tal medida vai ampliar o alcance da coleta e aumentar a quantidade de materiais destinados às cooperativas. “A Comurg já regularizou a deficiência que estava acontecendo na Coleta Seletiva. Com esta campanha, nós temos de fazer com que a população acredite que a Coleta Seletiva existe de fato na cidade e recuperar a credibilidade. A partir daí, as cooperativas receberão volume maior de material e poderão produzir mais”, esclareceu Paulo de Tarso.

O Departamento de Fiscalização e Orientação (DSO) vai atuar nos bairros e preferencialmente onde não estiver sendo feita a coleta da forma adequada ou onde observarem que há lixo e entulho depositado nas ruas. Inicialmente, os agentes do departamento orientarão os moradores e, somente depois disso, haverá autuação. “A população é o principal parceiro que temos para manter a cidade limpa”, acrescentou o presidente da Comurg.

O prefeito de Goiânia, Paulo Garcia, disse que este é mais um dos resgates dos compromissos feitos durante a campanha eleitoral. “O nosso desejo era transformar Goiânia, definitivamente, numa cidade sustentável e um dos pilares da sustentabilidade é o cuidado com a vida e com o ambiente”.

Paulo Garcia lembrou também que quando a prefeitura cuida do lixo significa que está cuidando também da cidade e dando uma demonstração clara de apreço pelo espaço urbano. “O novo planejamento visa estimular a segregação já no local onde é produzido, dentro de casa mesmo, separando o que é e o que não é reciclável”, explicou o prefeito. De acordo com Paulo, a partir daí, existe uma cadeia que termina nas cooperativas e lá “as pessoas que, anteriormente, não tinham qualquer possibilidade de inserção social, agora têm a chance de sair desta camada de vulnerabilidade social e ter uma vida digna”, completou.

Maria Madalena Belizário Silva, funcionária pública, moradora do Conjunto Caiçara há 14 anos, acredita na campanha e disse que faz questão de participar. “É preciso mesmo conscientizar os moradores do bairro a terem mais cautela com a forma de desprezar o lixo. O reciclável também beneficia outras pessoas que trabalham com isso”. Maria Madalena diz que já adotou atividades da campanha e vai ajudar a divulgá-la. “Nós que temos consciência do problema também podemos ajudar a orientar. Porque uma cidade limpa significa que tem um povo educado”, arrematou.

( com Informaçoes Secom Goiania)


Leia mais sobre: Cidades