28 de junho de 2022
Cidades

Pastor mata pastora a facadas em Goiás

A pastora Ailsa Regina Gonzaga, de 40 anos, que estava desaparecida desde o último de 8 de novembro, foi morta a facadas pelo pastor Alexandre de Souza e Silva, de 47, que confessou o assassinato. Segundo informações da Polícia Civil, o pastor foi preso no início da tarde desta quinta-feira (28), em Brasília.

Continua após a publicidade

De acordo com o delegado Valdemir Pereira “Branco”, Alexandre é foragido da justiça e responde por crime de latrocínio ocorrido no ano de 2002, em Itumbiara, e é suspeito de outros crimes, os quais ainda serão apurados.

O pastor apontou para a polícia o local onde ele teria enterrado o corpo de Ailsa, numa mata no município de Aragoiânia. Na próxima terça-feira (2), haverá uma coletiva de imprensa para esclarecer os detalhes do caso, como imagens do autor.

Veja o vídeo:

Continua após a publicidade

{source}
<iframe src=”https://www.facebook.com/plugins/video.php?href=https%3A%2F%2Fwww.facebook.com%2FDiariodeGoias%2Fvideos%2F1565825380177412%2F&show_text=0&width=560″ width=”560″ height=”308″ style=”border:none;overflow:hidden” scrolling=”no” frameborder=”0″ allowTransparency=”true” allowFullScreen=”true”></iframe>
{/source}

Leia mais sobre:
Cidades