26 de maio de 2024
Abstinência

Passageira tira a roupa e morde aeromoça enquanto exigia fumar dentro de avião, na Rússia

Quando o avião pousou no aeroporto, a agressora foi detida pela polícia
Passageira tira a roupa durante voo na Rússia
Passageira tira a roupa durante voo na Rússia

Durante um voo na Rússia, uma passageira tirou a parte de cima da roupa e mordeu uma aeromoça enquanto exigia fumar e entrar na cabine do avião. Conforme o Portal R7, a aeronave estava a 10 mil metros do chão, enquanto passageiros e tripulantes tentavam acalmá-la.

Durante o voo, a mulher se levantou e foi em direção ao banheiro, onde acendeu um cigarro, o que é extremamente proibido em aeronaves. Segundo os relatos, ela tirou as roupas que cobriam a parte superior do corpo e passou a gritar que todos estariam condenados aos outros passageiros.

Por vídeo, gravado por outros passageiros, mostra a mulher descontrolada e aparentemente embriagada, sem roupas e discutindo com os tripulantes. “Senhora, sente-se e vista-se. Onde estão suas roupas? Você entende que está violando as regras de comportamento no avião? Há crianças aqui. Respeite-as, pelo menos”, falou uma pessoa da equipe.

“Eu respeito as crianças. Além do mais, adoro crianças. Eu entendo que vou para um hospital psiquiátrico ou para uma prisão. Mas eu quero ir para a cabine”, respondeu a mulher de 49 anos.

Moskvitina pedia que a deixassem em paz e reafirmava que queria fumar: “Mate-me aqui, mas vou fumar”, disse ela. Uma das aeromoças que tentaram deter a mulher foi mordida e acabou precisando ser atendida por um médico.

Depois de algum tempo, as autoridades do voo conseguiram algemá-la e a deixaram sob os cuidados de um médico. Quando o avião pousou no aeroporto, a agressora foi detida pela polícia.


Leia mais sobre: / / Mundo

Leonardo Calazenço

Jornalista - repórter de cidades, política, economia e o que mais vier! Apaixonado por comunicação e por levar a notícia de forma clara, objetiva e transparente.