26 de maio de 2022
Política

Para evitar “feridos” e permanência no Podemos, Vilmar Mariano vai conversar com José Nelto

Vilmar Mariano troca MDB por Podemos e coloca partido na oposição ao governo estadual (Foto: Divulgação)
Vilmar Mariano troca MDB por Podemos e coloca partido na oposição ao governo estadual (Foto: Divulgação)

Dias após assumir provisoriamente o comando do Podemos em Goiás, o vice-prefeito de Aparecida de Goiânia, Vilmar Mariano diz que terá uma conversa com o deputado federal e ex-comandante da legenda no estado, José Nelto para convencê-lo a continuar no partido e somar forças ao projeto de oposição que vem sendo capitaneado pelo prefeito de Aparecida, Gustavo Mendanha (sem partido).

A tarefa não será fácil, haja vista que Nelto já garantiu que não abandonará o governador Ronaldo Caiado ao longo das eleições em 2022. Mariano, no entanto, insistirá no diálogo. “O José Nelto é a maior referência do Podemos de Goiás. É deputado federal e o melhor quadro que temos. Vamos conversar na segunda-feira para saber como vai agir para ele ficar conosco e disputar a reeleição. Ele terá todo o apoio do partido para o projeto de reeleição dele”, pontuou em entrevista à Rádio Bandeirantes Goiânia, nesta terça-feira (25/01).

Mariano pontuou que ainda não conversou pessoalmente, mas tentará convencê-lo a permanecer no partido, sem que haja feridos no processo. “A gente vai demover ele dessa ideia e dizer que o Podemos vai estar 100% fechado com o projeto de oposição que é o bloco de oposição que está sendo criado no estado de Goiás capitaneado pelo prefeito de Aparecida, Gustavo Mendanha e o Podemos está 100% fechado com o Mendanha. Vamos conversar com o Zé para buscar a melhor alternativa para que não saia ninguém ferido nesse processo.”

Continua após a publicidade

José Nelto vai conversar com aliados

Nas redes sociais, José Nelto pouco tem falado sobre política partidária e eleições em 2022. Por lá, ele tem mostrado sua atuação na Câmara dos Deputados, compartilhado notícias em torno da vacinação que avança para a fase pediátrica em todo o Brasil e críticas pontuais à negacionistas.

Em uma das publicações, disse que não entra em “briga de ego”. “Continuarei honrando minha missão e fazendo o que mais gosto: trabalhar pelo povo!”, complementou. Procurado pelo Diário de Goiás, José Nelto disse que ainda não cravou sobre o que fará no futuro. Antes disso, vai consultar seus aliados.

Continua após a publicidade

“Só depois de todas as conversas é que darei uma coletiva (de imprensa). Por enquanto nada tenho a declarar. Não vou passar o carro na frente dos bois. Não defini nada. Vou esperar tudo acontecer. Aí vou agir com a minha base, em Goiás, com meus companheiros e nacionalmente também”, destacou. Embora não saiba qual rumo político tomará, Nelto, questionado se permanecerá ao lado de Caiado nas eleições, respondeu brevemente: “101%”.

Leia mais sobre:
Política