30 de maio de 2024
Aproximação

“Nunca conversei com Daniel Vilela sobre retorno ao MDB”, destaca Adib Elias

Político revela convites de outros partidos para filiação
Adib Elias (Foto: Divulgação)
Adib Elias (Foto: Divulgação)

O prefeito de Catalão, Adib Elias (sem partido)  destaca ao Diário de Goiás em entrevista exclusiva que não tem rancor, nem mágoas e se coloca, mesmo fora da legenda, uma das figuras mais importantes da história do MDB. “Ajudei a construir o partido”, diz orgulhoso. “Verdadeiramente entendo que depois da falta do Iris, da dona Iris e do Maguito poucas pessoas são tão 15, tão PMDB como eu”, reforça. 

No entanto, revela que apesar de ter estado com o presidente estadual da legenda Daniel Vilela, em algumas oportunidades, o assunto de um retorno à casa que ajudou a construir não foi posto à mesa. “Eu já estive com ele mas nunca conversamos sobre uma volta ao partido”, pontua destacando que apesar do carinho que tem ao ninho emedebista existem outros convites para novas moradas. “Eu te digo, tenho convites do PP, do PSD e de outros partidos, mas evidentemente vamos continuar conversando e depois eu vou tomar minha decisão”.

Adib que lembra da expulsão do MDB em 2018, diz que ficou para trás. “Tô muito alegre, satisfeito”, destaca. “Se tem uma coisa que nunca guardei em política é rancor, mágoa e ódio. Isso de forma alguma acontece comigo”, complementa. Inclusive, lembra que o Podemos, partido que, em 2020, o elegeu novamente prefeito de Catalão hoje está ‘federalizado’ com o PSDB, de Jardel e Gustavo Sebba, seus adversários históricos.

“Eu sei que a política é muito dinâmica tanto que hoje o partido que fui candidato a Catalão, o Podemos, tá federalizado ao PSDB. Imagina o que seria minha situação”, comentou aos risos. Adib destaca que não há dificuldade em retornar ao MDB e seu grupo no município já teve conversas neste sentido.

“Não tenho dificuldade nenhuma e nós vamos continuar a conversar. Meu grupo político conversou com o pessoal de Goiânia, com deputados e ex-deputados de forma que a discussão e debate é sempre importante e nós vamos continuar fazendo que é o que a política evidentemente manda que seja feito”, destacou.

Certo mesmo que continuará caminhando junto com o governador Ronaldo Caiado. “Somos amigos do governador e respeitamos o governador. Temos todas as alegrias de aprovar e continuar aprovando um governo que vai ser o melhor governo de todos os tempos”, pontua.


Leia mais sobre: / / Política

Domingos Ketelbey

Jornalista e editor do Diário de Goiás. Escreve sobre tudo e também sobre mobilidade urbana, cultura e política. Apaixonado por jornalismo literário, cafés e conversas de botequim.