09 de agosto de 2022
Cidades • atualizado em 25/07/2022 às 19:29

Novos ônibus reforçam operação do Eixo Anhanguera; veja fotos 

Eixo Anhanguera terá reforço de novos ônibus (Foto: Carlos Junior)
Eixo Anhanguera terá reforço de novos ônibus (Foto: Carlos Junior)

O acordo que a Metrobus firmou com as empresas privadas envolve também veículos que irão operar no trajeto do Eixo Anhanguera, em Goiânia. Os veículos estão sendo chancelados pela Companhia Metropolitana de Transportes Coletivos (CMTC) e já devem reforçar a operação do Eixão dentro desta semana. A informação foi confirmada pelo presidente da Câmara Deliberativa de Transportes Coletivos (CDTC) ao Diário de Goiás, Adriano da Rocha Lima, nesta segunda-feira (25/07). 

“A operação continua da forma que ela já vem sendo feita, com mais veículos operando, de forma que teremos maior oferta. O que fizemos para melhorar essa dinâmica foi separar o que é efetivamente o Eixo Anhanguera na extensão da Avenida com 14km operado exclusivamente pela Metrobus e as extensões, exclusivamente pelas três empresas do setor privado”, ressaltou ao Diário de Goiás após a cerimônia de reinauguração do Terminal Isidória. 

Adriano destaca que todos os ônibus são novos ou semi-novos e possuem ar condicionado. Além de conforto, o presidente garante maior fluidez no trânsito do Eixão. “Com isso, teremos a garantia de maior oferta, de mais agilidade na manutenção dos veículos, uma vez que estamos colocando mais empresas junto com a Metrobus à disposição desse Eixo Anhanguera com as extensões”, garante.

Continua após a publicidade

O Diário de Goiás teve acesso a fotos do modelo do veículo que irá operar como reforço aos veículos da Metrobus. Trata-se de um Caio Millennium BRT / Mercedes-Benz O-500 MA Euro 5 6x2x2 Versão Articulada com capacidade para 180 passageiros. As imagens foram cedidas por Carlos Júnior. Serão 60 veículos que irão reforçar a operação (55 no trajeto e 5 reservas). A Metrobus continua a operação com outros 60 ônibus da frota atual, já que possui 86 em condição de operar.

VEJA AS FOTOS:

Ônibus elétricos para o Eixo Anhanguera só ano que vem…

Continua após a publicidade

A medida é paliativa até que o edital dos ônibus elétricos possa sair do papel e a licitação ocorra. De acordo com Adriano, o processo deve voltar a correr no segundo semestre deste ano. “A gente espera relançar o edital até o final de agosto, início de setembro, para que 30 dias depois tenhamos o leilão e aí comece a chegar os ônibus elétricos a partir do início do ano que vem”, pontua.

Adriano inclusive, está esperançoso e confiante que o transporte coletivo da Região Metropolitana de Goiânia será exemplo para o mundo. O transporte coletivo é uma das maiores demandas da população. E vocês podem ter certeza, esse trabalho de melhoria será incansável para nós termos um dos transportes coletivos a maior referência do mundo, e não só do Brasil”, afirma.