16 de abril de 2024
Novos abrigos

Nova RMTC revitaliza mais de 300 pontos de ônibus na capital e Região Metropolitana

O número é referente a ações feitas no prazo de um mês. Outros 865 laudos periciais foram feitos para identificar condições para novas restaurações e construções
Foto: Reprodução
Foto: Reprodução

Após incidentes de quedas de estruturas de pontos de ônibus em Goiânia e Aparecida de Goiânia, o projeto Nova Rede Metropolitana de Transporte Coletivo (Nova RMTC) tem trabalhado na revitalização e construção de novos abrigos para os usuários. Em um mês, foram construídos ou revitalizados mais de 300 pontos de parada do transporte coletivo, em Goiânia e Região Metropolitana.

Além da reestruturação dos pontos de ônibus, a Nova RMTC, também está realizando a vistoria para saber a real condição das estruturas e traçar ações em mais locais. De acordo com o subsecretário de Políticas para Cidades e Transporte da Secretaria-Geral de Governo (SGG), Miguel Angelo Pricinote, já foram realizados 865 laudos periciais em abrigos de concreto.

Destes vistoriados, 230 estão em estado crítico e serão demolidos em breve, dando lugar a novos abrigos, que serão construídos. Outros 54 abrigos passaram por reforma, com a substituição de peças danificadas, pintura e instalação de novos elementos de conforto e segurança, como bancos, lixeiras, câmeras e sensores.

O projeto prevê ainda a substituição de todos os 865 pontos de concreto por estrutura metálica até 2026. Também foram realizadas a manutenção preventiva de 96 pontos de ônibus, com a limpeza, restauração da iluminação e acessibilidade dos locais de embarque e desembarque dos passageiros.

Conforme o projeto, serão construídos 51 novos abrigos para atender a demanda dos usuários, com padrão moderno e sustentável. No total, cerca de 7 mil abrigos vão receber melhorias e, pela primeira vez, terão investimentos permanentes para recuperação e conservação.


Leia mais sobre: / / / Cidades

Luana Cardoso

Luana

Estagiária de Jornalismo do convênio entre a UFG e o Diário de Goiás.