13 de julho de 2024
Política

“Nova licitação será realizada para construção do parque Macambira-Anicuns”, diz Paulo Garcia

Em entrevista ao programa Realidade, na rádio Vinha FM, o prefeito de Goiânia, Paulo Garcia (PT), esclareceu a paralização do projeto de construção do parque Macambira-Anicuns.

Segundo o petista, a vencedora do certame licitatório suspendeu as obras e solicitou um aditivo no subsídio superior aos 25%, legalmente permitidos. A demanda financeira foi negada e uma nova concorrência será aberta, logo após o recesso de Carnaval.

O projeto foi criado em 2002 na gestão do então prefeito Pedro Wilson (PT),  prevendo uma intervenção urbanística e ambiental em Goiânia, incluindo um parque linear de 24 quilômetros de extensão.

Acredita-se que 350 mil habitantes, de 131 bairros da Capital, serão diretamente beneficiados com a obra. Para sua execução, 804 famílias e estabelecimentos comerciais devem ser relocados e outros 788 imóveis, desapropriados.

A previsão inicial do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID) era de utilização de US$ 94,5 milhões, o equivalente a R$ 169,7 milhões nas obras. O valor deve aumentar na próxima licitação.

A prefeitura de Goiânia vai arcar com os custos de relocação das famílias e estabelecimentos comerciais e desapropriações, orçados em R$ 30 milhões. Das transferências que serão realizadas, 212 ocupam áreas públicas e 788 imóveis não possuem edificações

A expectativa inicial era de entrega em outubro de 2014. Para o prefeito, este prazo deve ser redefinido, devido aos imprevistos financeiros. 


Leia mais sobre: Política