01 de março de 2024
VERSÕES OPOSTAS

Noticiário nacional vê Caiado, ao mesmo tempo, dentro e descartado dos planos do PL

Informação da Revista Veja diz que Caiado forma chapa perfeita com Michelle Bolsonaro; O Globo sustenta que ele foi vetado por Bolsonaro
Ronaldo Caiado e Jair Bolsonaro no centro da contradição - Foto: Agência Cora de Notícias
Ronaldo Caiado e Jair Bolsonaro no centro da contradição - Foto: Agência Cora de Notícias

Na política, o feriado de Carnaval está sendo marcado por duas notícias veiculadas nacionalmente, totalmente contraditórias sobre a situação partidária do governador goiano Ronaldo Caiado, citado dentro e descartado do PL.

Uma diz que o governador está cotado para deixar o União Brasil (UB) e se filiar no Partido Liberal (PL). Já a outra informa que há veto ao nome de Caiado no PL.

A contradição é curiosa porque tem no centro não apenas o nome do governador, mas do ex-presidente Jair Bolsonaro. Caiado não esconde que busca o apoio de Bolsonaro ao seu projeto de disputar a Presidência da República em 2026. Pretensão cada dia mais assumida pelo governador de Goiás que trata o assunto publicamente durante entrevistas à imprensa.

Revista fala em Plano B do Bolsonarismo

A primeira notícia veio da Revista Veja. No domingo (11), um texto curto, assinado por Robson Bonin, dizia no título que Ronaldo Caiado é o “plano B do bolsonarismo”. Nesse caso, ele se filiaria no PL para ter como candidata a vice a ex-primeira-dama Michelle Bolsonaro, casada com Jair.

“Se o sonho bolsonarista de derrubar sua inelegibilidade na Justiça der errado, aliados do ex-presidente já têm um plano: filiar Ronaldo Caiado ao PL e lançar Michelle de vice do governador goiano”. Dizia parte da publicação.

Além disso, em outro trecho, ele acrescenta ter partido de um graduado bolsonarista que, “com o Bolsonaro pedindo votos, [a chapa] seria imbatível”.

Segundo o jornalista da Veja, ciente desse plano, um outro cacique, dessa vez do União Brasil, advertiu: “Para tirar o Caiado daqui, o PL teria que brigar com o União. Não seria inteligente”.

Caiado foi vetado no PL, diz colunista do Globo

Do lado oposto do rumor de domingo, a colunista Bela Megale, do jornal O Globo, publicou nesta segunda-feira (12), a informação que Jair Bolsonaro vetou uma eventual filiação de Caiado no PL, a quem, segundo a colunista, entre os bolsonaristas ele chama de “traidor”.

Por outro lado, a jornalista informa que uma eventual ida de Caiado para o ninho dos liberais é uma ideia que tem a simpatia do presidente do partido, Valdemar Costa Neto. “O problema, porém, é que Jair Bolsonaro resiste fortemente à entrada de Caiado na sigla”, garante ela.

A colunista afirma que o ex-presidente ainda não perdoou o governador goiano. Isso a despeito de Bolsonaro, quando já derrotado por Lula, continuar sendo recebido com deferências por Caiado em suas vindas a Goiás. O motivo foi ter entrado em choque com ele no início da pandemia da Covid-19. Na época Caiado combateu aglomerações, defendeu a vacinação e determinou isolamento social.

“Caiado já disse publicamente que as divergências com Bolsonaro ficaram no passado, mas o ex-presidente mostra que guarda mágoas e que hoje ainda resiste à filiação de governador”, reforçou a colunista.


Leia mais sobre: / / Notícias do Estado / Política

Marília Assunção

Jornalista formada pela Universidade Federal de Goiás. Também formada em História pela Universidade Católica de Goiás e pós-graduada em Regulação Econômica de Mercados pela Universidade de Brasília. Repórter de diferentes áreas para os jornais O Popular e Estadão (correspondente). Prêmios de jornalismo: duas edições do Crea/GO, Embratel e Esso em categoria nacional.