13 de julho de 2024
Política

“Nosso lema é tolerância zero para a corrupção”, diz Júnior Friboi

O pré-candidato do PMDB ao governo de Goiás, José Batista Júnior, o Júnior do Friboi, chegou ao III Encontro Regional do Partido com o lema: tolerância zero para corrupção. O empresário aproveitou a ocasião para elencar as fragilidades da legenda e apresentar soluções. 

“Goiás precisa ser governado novamente pelo PMDB. Perdemos nas últimas eleições porque nosso forte não é política, mas ações. Os líderes peemedebistas sempre se preocuparam mais em fazer do que falar. O povo precisa de ações. O povo quer ações. Esse é o novo clamado nas pesquisas. Um novo jeito de governar. Um novo jeito de administrar. Uma administração pragmática e efetiva”, argumentou o peemedebista.

Segundo Friboi, a principal meta do partido hoje é elaborar um projeto de governo ouvindo toda a militância peemedebista e levar à população o planejamento partidário que aspira a recuperação da idoneidade política no Estado de Goiás.

“Os eleitores assistiram escândalos que os levaram ao desânimo com o segmento político. Eu acredito na esfera pública. A esperança na construção de um Estado melhor para os goianos foi o que me trouxe ao PMDB. Vamos recuperar a expectativa do povo e alimentar as esperanças de uma verdadeira qualidade de vida”, acrescentou.

Júnior descartou qualquer desavença com o ex-governador Iris Rezende e admitiu a necessidade de tê-lo como cabo eleitoral. “Sem Iris, o PMDB não volta ao poder. Vamos seguir juntos. Independente da composição da chapa”, finalizou.


Leia mais sobre: Política