15 de julho de 2024
Cidades

Mulher é presa suspeita em assaltar, junto com três pessoas, fazenda do ex-companheiro

(Foto: Divulgação)
(Foto: Divulgação)

A Polícia Civil prendeu quatro suspeitos por roubarem uma propriedade rural localizada em Itaguaru, nesta sexta-feira (16/08). O crime foi cometido em julho do ano passado. Na ocasião, o proprietário da fazenda foi agredido e amarrado dentro da residência.

Entre os detidos, está Tatiany Alves de Souza, de 40 anos, ex-companheira da vítima. Depois que se separaram, os dois travaram uma disputa judicial pela divisão de bens. O homem chegou a registrar um boletim de ocorrência contra Tatiany, na época, por ameaça.

Também foram presos José Neto Vieira da Silva – com quem Tatiany estaria mantendo um relacionamento amoroso -, Leandro Aparecido de Carvalho e Sidney de Moura Pinto, 28. Conforme apurado, a mulher teria passado informações privilegiadas sobre a fazenda e os bens que a vítima guardava em casa.

Leandro, Sidney e um terceiro suspeito, ainda não identificado, saíram de Anápolis para se encontrar com José Neto em Itaguaru no dia 29 de julho de 2018. No dia seguinte, foram até a fazenda, renderam a vítima e um funcionário. Foi apurado, ainda, que os suspeitos ameaçaram a vítima com uma arma de fogo e usaram de muita violência.

Foram roubadas duas caminhonetes, uma canoa, uma carretinha, motosserras, além de dinheiro em espécie. O prejuízo é estimado em mais de R$ 100 mil. A Polícia Civil também concluiu que Antônio Lira Filho – na época preso no Complexo Prisional de Aparecida de Goiânia -, teria orquestrado a dinâmica do crime. Atualmente, ele está foragido.


Leia mais sobre: / / / / / Cidades

Domingos Ketelbey

Jornalista e editor do Diário de Goiás. Escreve sobre tudo e também sobre mobilidade urbana, cultura e política. Apaixonado por jornalismo literário, cafés e conversas de botequim.