20 de maio de 2024
Ação

MPGO cumpre 21 mandados de busca e apreensão contra suspeitos de ligação com o PCC

A Operação Imandade do Crime agiu nas cidades de Aparecida de Goiânia, Rio Verde, Quirinópolis, São Simão e Cachoeira Alta
O MPGO deflagou operação em parceria com o Gaeco em cinco cidades goianas. Foto: Divulgação/Gaeco
O MPGO deflagou operação em parceria com o Gaeco em cinco cidades goianas. Foto: Divulgação/Gaeco

O Ministério Público de Goiás (MPGO) deflagrou, nesta terça-feira (23), a Operação Irmandade do Crime. A ação conjunta com o Gaeco (Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado), em parceria com a Polícia Penal e apoio da Polícia Civil, realizou 21 mandados de busca e apreensão em cinco cidades goianas.

A ação visa a investigação de suposto envolvimento dos suspeitos com a facção Primeiro Comando da Capital (PCC). Foram feitas buscas e apreensões nas residências dos investigados nas cidades de Aparecida de Goiânia, Rio Verde, Quirinópolis, São Simão e Cachoeira Alta.

Os mandados foram expedidos pela 1ª Vara dos Feitos Relativos a Organizações Criminosas do Estado de Goiás. Essa a quarta operação do Gaeco contra o PCC em Goiás em menos de um ano. As fases anteriores resultaram em novas prisões, denúncias e condenações de membros da organização criminosa.

A operação contou com apoio da Coordenadoria de Segurança Institucional e Inteligência (CSI) do MPGO e com a atuação de promotores de Justiça, policiais penais e militares, delegados e agentes da Polícia Civil de Goiás, servidores do MPGO e agentes da CSI.


Leia mais sobre: / / / / Notícias do Estado

Luana Cardoso

Luana

Estagiária de Jornalismo do convênio entre a UFG e o Diário de Goiás.