28 de fevereiro de 2024
CINEMA • atualizado em 24/11/2023 às 16:44

Mostra Internacional de Cinema Fantástico recebe mais de 600 inscrições de filmes

Em sua 15ª edição, Mostra Internacional de Cinema Fantástico – CRASH – é considerada o primeiro evento audiovisual de Goiás
37 obras foram selecionadas para serem exibidas no evento. (Foto: Divulgação)
37 obras foram selecionadas para serem exibidas no evento. (Foto: Divulgação)

A 15ª edição da Mostra Internacional de Cinema Fantástico (CRASH) será realizada no Cine Cultura, em Goiânia, entre os dias 7 e 10 de dezembro. O evento, que tem entrada gratuita, recebeu mais de 600 inscrições de filmes produzidos em 47 países. Além disso, 37 obras foram selecionadas para serem exibidas na Mostra.

Os gêneros selecionados para 15ª edição da Mostra foram terror, ficção científica e fantasia. A curadoria dos filmes está sob responsabilidade Carlos Primati, Beatriz Saldanha, André LDC, Gurcius Gewdner, Márcia Deretti e Mário Paixão Jr.

Segundo um dos organizadores do festival, a identidade visual da CRASH é um dos pontos principais. “Sempre tivemos o maior cuidado na escolha dos artistas responsáveis pela identidade visual da CRASH. Desta vez, esta preocupação foi aumentada pela efeméride: 15 edições de um festival de cinema de gênero não são para qualquer um”, destacou.

A Mostra Internacional de Cinema Fantástico é considerada o primeiro evento audiovisual de Goiás. A primeira edição aconteceu em 1999, no Centro Cultural Martim Cererê.

Filmes selecionados

– Curtas-metragens

• A Casa das 7 Vampiras (Cláudia Borba, 2023, RS, Brasil)

• A.S.M.ortal (Maxime S. Girard, 2022, Canadá)

• Arapuca (Joel Caetano, 2023, SP, Brasil)

• Backroom Blues (Andreas Kyriacou, 2022, Chipre)

• Claudio (Calebe Lopes, 2022, BA, Brasil)

• Dead Enders (Fidel Ruiz-Healy, Tyler Walker, 2023, United States)

• Deadline (Idan Gilboa, 2023, Israel)

• Encruzilhadas do Caos (Alexander S. Buck, 2023, ES, Brasil)

• Energúmeno (Luis Calil, 2023, GO, Brasil)

• Estasi (Domenico Laddaga, 2023, Italy)

• Extinct (Raúl Díez Rodríguez, 2023, Espanha)

• Fed (Michael Bartolomeo, 2023, United States)

• Final Forever (Tess Quatri, 2022, Norway)

• Gertrude and Yvan Party Hard (Louise Groult, 2022, França)

• Gnomes (Ruwan Heggelman, 2023, Países Baixos)

• I Saw the Face of the Devil (Julia Kowalski, 2023, França)

• I’m not a robot (Victoria Warmerdam, 2023, Países Baixos)

• Jenglotman and The Goddamn In-Law (Berak Brothers, 2022, Indonésia)

• Knit One, Stab Two (Alison Peirse, 2022, Reino Unido)

• O Cacto (Ricardo Kump, 2023, SP, Brasil)

• Oldmen Rule (Alexander Gavrilov, 2022, Rússia)

• Phonorama (Alex Rey, 2022, Espanha)

• The Dam (Rémi Fréchette, 2023, Canadá)

• The Head and the Body (Val Dobler, Mirian Miranda, 2023, Brasil)

• The Management (Sebastian Ganschow, 2022, Alemanha)

• The Nomadic Tomb (Pei-Yi Yu, 2023, Taiwan)

• The Reluctant Icon: A Tribute to Laura Gemser (Kier-La Janisse, 2023, United States)

• The Tree (Charli Sangar, 2023, Espanha)

• The Weaver (Øyvind Willumsen, 2023, Noruega)

• Vão das Almas (Edileuza Penha de Souza, Santiago Dellape, 2023, DF, Brasil)

• When a Shout Catches Fire (Éloïse Grenier-Carpintero, 2022, Canadá)

– Média-metragem

• Mato Mato Mato: Canibal Filmes e as produções de ‘horor’ no Oeste de Santa Catarina (Felipe Bottamedi, 2023, SC, Brasil)

– Longas-metragens

• A casa de Izabel (Gil Baroni, 2022, PR, Brasil)

• A Outra Forma (Diego Felipe Guzmám, 2022, RJ, Brasil)

• Curse of the Weredeer (Ben Johnson, 2023, United States)

• New Religion (Keishi Kondo, 2022, Japão)


Leia mais sobre: / / / Variedades

Maria Paula

Jornalista formada pela PUC-GO em 2022 e MBA em Marketing pela USP.