20 de fevereiro de 2024
Interior de Goiás • atualizado em 07/12/2023 às 17:11

Moradores protestam e Letreiro de Aragoiânia vira piada na internet por ser “feio”; entenda

Município da região central do estado tem pouco mais de 11,8 mil habitantes
A suspeita é de que a prefeitura tenha investido mais de R$ 50 mil do projeto, que resultou em uma obra não muito profissional. (Imagem: reprodução/redes sociais)
A suspeita é de que a prefeitura tenha investido mais de R$ 50 mil do projeto, que resultou em uma obra não muito profissional. (Imagem: reprodução/redes sociais)

A inauguração de um novo letreiro na entrada de Aragoiânia, município de 11,8 mil habitantes e localizado da região central do estado acabou caindo nas graças da internet. Isso por que, o projeto que teria custado aos cofres públicos mais R$ 50 mil, não ficou como o esperado e foi alvo de protestos da população pela obra estar “muito feia”.

Por conta disso, e de um vídeo publicado das redes sociais, o letreiro, concluído na última terça-feira (05), deixou muitas pessoas insatisfeitas, receita ideal para viralizar na internet e fazer com que, tanto a obra, quando a prefeitura, fossem alvos de piada e críticas. Confira o vídeo abaixo em que um morador chegar a dizer que a placa é “ainda mais feia pessoalmente”.

“Para quem não estava querendo acreditar é verdade mesmo. E é mais feia pessoalmente do que na foto, feia demais mesmo”, diz o suposto morador. Outra publicação nas redes sociais, que inclui este mesmo vídeo, também mostra o suposto projeto de como deveria ficar o letreiro e a foto de como realmente ficou.

Na página oficial da Prefeitura de Aragoiânia, no Instagram, internautas também aproveitaram para fazer críticas sobre o novo letreiro da cidade. Sobre o dinheiro investido na obra e a polêmica do caso em geral, a gestão do atual prefeito, José Garcia de Souza (PSDB), não se manifestou e não retornou à reportagem. O espaço segue aberto.


Leia mais sobre: Notícias do Estado

Carlos Nathan Sampaio

Jornalista formado pela Universidade Federal e Mato Grosso (UFMT) em 2013, especialista Estratégias de Mídias Digitais pelo Instituto de Pós-Graduação e Graduação de Goiânia - IPOG, pós-graduado em Comunicação Empresarial pelo Senac e especialista em SEO.