26 de maio de 2022
Política

Para conter rejeição, Perillo implanta passe livre estudantil com subsídio do governo

O governador do Estado, Marconi Perillo (PSDB), assinou na manhã de hoje, 17, no Palácio Pedro Ludovico Teixeira, o Projeto de Lei para criação do passe livre estudantil. A proposta será encaminhada para Assembleia Legislativa e deverá ser votada nas próximas semanas. O recurso atenderá alunos de baixa renda assistidos pelos programas sociais do governo de Goiás. A previsão é para que 37 mil alunos de Goiânia e Aparecida de Goiânia sejam beneficiados nesta primeira etapa. Eles deverão estar matriculados em qualquer instituição de ensino, do nível fundamental ao superior.

Após votação em plenário, os estudantes com interessem no cartão deverão realizar um pré-cadastro no site da Juventude, do governo de Goiás. A efetivação da matrícula será feita na da Secretaria de Articulação Institucional onde também haverá uma triagem para o estabelecimento de um limite diário de passagens para cada estudante. O passe livre poderá ser cortado caso o aluno apresente faltas ou descaso com o ensino escolar.

Marconi Perillo ressaltou durante o evento que o cumprimento desta promessa reflete um novo momento que o governo estadual vive. “Com muito esforço, enfrentamos as dificuldades e conseguimos dar mais um passo em direção ao progresso. Estamos saneando todas as dívidas e logo poderemos comemorar novas conquistas”, disse. O tucano finalizou sua fala em tom poético citando o “Maluco Beleza”, Raul Seixas. “Sonhos que se sonham só, é só um sonho que se sonha só, mas sonhos que se sonham juntos é realidade”, conclui.

Continua após a publicidade

O secretário de Articulação Institucional, Daniel Goular, lembrou que este foi um dos últimos compromissos de campanha que não havia sido realizado até o momento. “O governador prometeu e cumpriu. Estamos investindo em uma das áreas mais importantes no Estado que é a educação. Este será só mais um incentivo para que nossos jovens continuem estudando para que se formem como os próximos homens que direcionarão Goiás”, afirmou.

O passe livre estudantil será subsidiado aos moldes do que é investido pelo governo de Goiás no Eixo Anhanguera.

Leia mais sobre:
Política