28 de fevereiro de 2024
Supremo • atualizado em 06/04/2023 às 09:35

Lula assina decreto de aposentadoria de Lewandowski e outros três são cotados para substituir o ministro

No dia 11 de maio, Lewandowski completa 75 anos, idade máxima para atuar no Supremo
Três nomes são cotados para assumir o cargo. (Foto: Divulgação)
Três nomes são cotados para assumir o cargo. (Foto: Divulgação)

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) assinou, nesta quarta-feira (5), o decreto que concede aposentadoria ao ministro Ricardo Lewandowski, do Supremo Tribunal Federal (STF). A decisão foi publicada no Diário Oficial da União (DOU) na manhã desta quinta-feira (6). Conforme o documento, a aposentadoria será aplicada a partir do dia 11 de abril.

No dia 11 de maio, Lewandowski completa 75 anos, idade máxima para atuar no Supremo. Portanto, ainda no dia 30 de março, o ministro anunciou sua aposentadoria e decidiu antecipar a saída em um comunicado feito à presidente do Tribunal, Rosa Weber.

“Eu acabo de entregar para a presidente do Supremo Tribunal Federal, ministra Rosa Weber, um ofício em que peço a ela que encaminhe ao presidente da República o meu pedido de aposentadoria, que será antecipado cerca de trinta dias. Eu pedi que a minha aposentadoria fosse tornada efetiva a partir do dia 11 de abril, e esta minha antecipação se deve a compromissos acadêmicos e profissionais que me aguardam. Eu agora encerro um ciclo da minha vida e vou iniciar um novo ciclo”, disse o ministro a jornalistas na ocasião.

Com a aposentadoria do ministro, o presidente Lula está liberado para indicar um sucessor. Pelos bastidores, os três nomes mais cotados são Manoel Carlos de Almeida Neto e Cristiano Zanin. Há quem diga que Bruno Dantas corre por fora. O escolhido terá que ser sabatinado e aprovado pelo Senado Federal.

Diante das articulações, o advogado Cristiano Zanin Martins, defensor do presidente, é festejado por colegas e até ministros do Supremo Tribunal Federal (STF) por ser citado como o candidato favorito para a vaga.


Leia mais sobre: / / Política

Leonardo Calazenço

Jornalista - repórter de cidades, política, economia e o que mais vier! Apaixonado por comunicação e por levar a notícia de forma clara, objetiva e transparente.