01 de março de 2024
Sexualidade

Em vídeo, Karen Bachini revela ser intersexual; saiba o que é e os tipos existentes

A influenciadora possui os genitais e órgãos internos referentes ao sexo feminino, mas não produz hormônios
A youtuber Karen Bachini faz vídeos de relacionados a produtos de beleza e possui milhões de seguidores na internet. (Imagem: reprodução)
A youtuber Karen Bachini faz vídeos de relacionados a produtos de beleza e possui milhões de seguidores na internet. (Imagem: reprodução)

Depois de ficar em destaque por conta de várias polêmicas, a influenciadora Karen Bachini voltou a ficar entre os assuntos mais comentados da internet desde esta terça-feira (21). Desta vez, porém, a youtuber está em alta por que publicou um vídeo em seu canal no YouTube onde diz ser intersexual. De acordo com ela, exames mostraram que ela é uma pessoa pseudo-hermafrodita feminina. Ou seja, possui os genitais e órgãos internos referentes ao sexo feminino, mas não produz hormônios.

Durante o vídeo, Karen Bachini, que tem 26 anos atualmente, revelou que procurou ajuda desde que tinha 18 anos, pois, na época, já tinha o ovário muito pequeno e não tinha glândula mamária. Porém, acabou sendo diagnosticada de forma errada com menopausa precoce. Mesmo assim, a influenciadora passou pelo uso de hormônios que médicos diziam ser necessários.

“Eu sempre tive todas essas dúvidas. E eu pensava: ‘e se eu tomasse o hormônio masculino, o que vai acontecer comigo?’. Essas respostas eu nunca pude ter, porque naquela época ninguém sabia o que estava acontecendo”, afirmou. Assista o vídeo na íntegra.

Diferente do que muitas pessoas falam sem saber na internet, ser intersexual não é uma questão de orientação sexual como ser hétero, gay ou trans. Trata-se de uma forma de descrever uma série de variações biológicas naturais do corpo e que sempre existiram, apesar de serem menos comuns.

Uma pesquisa da Organização das Nações Unidas (ONU) estimou que entre 0,05% e 1,7% da população mundial nasce com características intersexo. Em números, isso pode representar cerca de mais de 3,5 milhões de pessoas apenas no Brasil.

Sobre os tipos de intersexualidade, por exemplo, a Karen Bachini tem genitais e órgãos internos femininos e não produz hormônios, mas há, também, quem tenha órgãos masculinos e femininos ao mesmo tempo. Além disso, pode haver quem tenha órgão de um tipo de sexo e produza hormônios de outro tipo.

Vale lembrar que uma pessoa intersexual era chamada, antigamente, de hermafrodita, mas o termo caiu em desuso por ser pejorativo e ser associado apenas aos genitais ambíguos, de quem nasciam com os dois genitais, masculino e feminino. Mas, como explicado acima, a situação é bem mais complexa do que isso.

Leia também: Karen Bachini testa base de Virginia Fonseca e fica chocada com péssimo resultado; veja vídeo


Leia mais sobre: Variedades

Carlos Nathan Sampaio

Jornalista formado pela Universidade Federal e Mato Grosso (UFMT) em 2013, especialista Estratégias de Mídias Digitais pelo Instituto de Pós-Graduação e Graduação de Goiânia - IPOG, pós-graduado em Comunicação Empresarial pelo Senac e especialista em SEO.