21 de junho de 2024
Eleições 2012

Jovair defende plano de saúde gratuito como solução definitiva para a área

O candidato petebista à prefeitura de Goiânia, Jovair Arantes, lança hoje sua nova proposta que pretende “revolucionar” a Saúde Pública da Capital: o GOIÂNIAMED. Um plano de saúde municipal gratuito.

 

Segundo o candidato, o programa consiste em oportunizar o acesso do goianiense à extensa rede de atendimento privado da Capital. Atualmente ela é composta por quase 700 estabelecimentos de saúde, além de 1,4 mil consultórios, conforme dados divulgados pelo IBGE em 2011.

Com a proposta, Jovair pretende desafogar a rede de atendimento municipal, acabar com as filas nas unidades públicas de atendimento e garantir que consultas e exames sejam feitos com rapidez também na rede privada.

Para ter o cadastro no GOIÂNIAMED, será preciso residir em Goiânia desde 2012, ser maior de 18 anos ou dependente legal destes. Serão contemplados todos os beneficiários do Bolsa Família e Renda Cidadã de Goiânia e ainda os integrantes de famílias com renda total de até três salários mínimos por mês (limitado à renda máxima per capita de meio salário mínimo), também enquadrados nos critérios do plano.

O programa vai cobrir consultas especializadas e exames de rotina na rede privada credenciada. A proposta do candidato é investir mais de R$ 100 milhões a mais na saúde para custear o plano.

Os recursos deverão vir da própria receita municipal, além de uma possível parceira com o Governo Federal. O petebista conta com um aumento da receita da prefeitura na ordem de mais de 15% em 2013.

Para o gerenciamento do novo sistema, será criada uma autarquia específica que terá um conselho de administração integrado por membros dos conselhos sociais, por representantes da Câmara Municipal, médicos e outros profissionais da Saúde.

Sua assessoria informa que os R$ 100 milhões que Jovair vai aplicar no GOIÂNIAMED representam um recurso novo, que virá de fontes alternativas, não especificadas. (Com informações da assessoria de imprensa) 


Leia mais sobre: Eleições 2012